Meteorologia

  • 18 JUNHO 2019
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 22º

Edição

O drama de Mafalda Rodiles após filho de um ano ser internado no hospital

“Foram os piores 4 dias da minha vida”, confessou a atriz. Felizmente, tudo acabou em bem.

O drama de Mafalda Rodiles após filho de um ano ser internado no hospital

Mafalda Rodiles, por cá mais conhecida como Mafalda Pinto, usou as redes sociais para partilhar um drama que viveu recentemente com o seu filho mais novo, o pequeno Martim, de um ano.

“No dia 25 de Março Martim não dormiu durante toda a noite, chorava, mamava, tentava dormir, chorava de novo, vomitava, não conseguia dormir mais do que 40 minutos seguidos… Fiquei acordada, com ele sentado no meu colo, toda a noite e de manhã cedo fomos para o hospital… Na minha cabeça nunca pensei que ele iria ficar internado e quando, 3 horas depois de esperarmos para ser atendidos, me disseram que isso aconteceria, perdi o meu chão”, começa por relatar na sua conta de Instagram.

“Martim, de 1 ano e 3 meses, com acesso na mão por onde durante 4 dias foi administrado soro. Foi me dito que a princípio ele precisaria de cirurgia… mas felizmente esse pior cenário foi descartado 12h depois. Era uma virose que o fazia vomitar tudo o que comia. Martim perdeu peso, dormia a maior parte do tempo, totalmente sem forças. Não tentou uma única vez tirar o soro da mão e essa mãozinha ficava quietinha do lado do corpo e dava muito dó”, continua.

Ver esta publicação no Instagram

No dia 25 de Março Martim não dormiu durante toda a noite, chorava, mamava, tentava dormir, chorava de novo, vomitava, não conseguia dormir mais do que 40 minutos seguidos… Fiquei acordada, com ele sentado no meu colo, toda a noite e de manhã cedo fomos para o hospital… Na minha cabeça nunca pensei que ele iria ficar internado e quando, 3 horas depois de esperarmos para ser atendidos, me disseram que isso aconteceria, perdi o meu chão… Martim, de 1 ano e 3 meses, com acesso na mão por onde durante 4 dias foi administrado soro. Foi me dito que a principio ele precisaria de cirurgia…mas felizmente esse pior cenário foi descartado 12h depois. Era uma virose que o fazia vomitar tudo o que comia, Martim perdeu peso, dormia a maior parte do tempo, totalmente sem forças. Não tentou uma única vez tirar o soro da mão e essa mãozinha ficava quietinha do lado do corpo e dava muito dó. Esses 4 dias me pareceram uma nuvem que não passava. O tempo não passava, eu fiquei basicamente 96 horas fechada com o Martim, primeiro num quartinho gelado do CTI porque o hospital estava lotado, e depois nos transferiram para um quarto “normal”. Posso dizer que foram os piores 4 dias da minha vida. Ver meu filho deitado naquele berço, onde eu dormi todas as noites encolhida com ele, e ter a minha filha em casa esperando por mim, chorando com saudades (ela nunca tinha dormido sem mim). O sentimento de impotência é algo arrasador. Todos os dias eu achava que nos iriam mandar para casa mas depois o Martim começou com uma tosse e não nos queriam deixar sair com suspeita de pneumonia… No domingo de manhã pedi alta e me comprometi a continuar a medicação em casa porque ele não precisava mais do soro. Obrigada Dr Daniel @pediatriaintegralbr, pediatra dos meus filhotes, por toda a assistência nestes 4 dias. Quando sai do hospital e respirei ar puro meus olhos se encheram de lágrimas, uma vez mais… Martim chegou em casa e voltou a comer e a sorrir Gratidão a todos os que me ajudaram a passar por estes dias tão difíceis. Só hoje um mês depois consegui falar sobre isto. E falo para que todas as mães que têm os filhos internados se sintam abraçadas. Vai passar, vai dar tudo certo 

Uma publicação partilhada por Mafalda Rodiles (@mafaldarodiles) a 25 de Abr, 2019 às 3:05 PDT

Posso dizer que foram os piores 4 dias da minha vida. Ver meu filho deitado naquele berço, onde eu dormi todas as noites encolhida com ele, e ter a minha filha em casa esperando por mim, chorando com saudades (ela nunca tinha dormido sem mim). O sentimento de impotência é algo arrasador”, confessa.

Felizmente, tudo acabou por se resolver pelo melhor. “Quando sai do hospital e respirei ar puro meus olhos se encheram de lágrimas, uma vez mais… Martim chegou em casa e voltou a comer e a sorrir. Gratidão a todos os que me ajudaram a passar por estes dias tão difíceis”, completa.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório