Meteorologia

  • 17 FEVEREIRO 2019
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 14º

Edição

Tempestade CR7: Os três casos que assombram o português

A reabertura da investigação do alegado caso de violação de Cristiano Ronaldo a Kathryn Mayorga remexeu nos fantasmas do passado do jogador. A noite em Las Vegas, em 2009. A suposta noite proibida com menor de idade, no final desse mesmo ano. A britânica que saiu do hotel "feliz e entusiasmada", em 2005. Eis o resumo da mais recente polémica onde o jogador se viu envolvido.

Tempestade CR7: Os três casos que assombram o português
Notícias ao Minuto

15:50 - 07/10/18 por Rita Alves Correia 

Fama Escândalo Sexual

Depois de somar vitórias dentro dos relvados, Cristiano Ronaldo, durante as últimas semanas, tem estado envolvido numa intrincada polémica que promete aquecer ainda mais. Se primeiramente o português se viu acusado por um caso com quase uma década, durante os últimos dias têm-se somado episódios a uma história que se torna cada vez mais complexa. 

Por isso, será necessário relembrar todos os capítulos desta 'novela'. Vamos aos factos. 

Fantasma de Las Vegas acordou... com o Der Spiegel

Kathryn Mayorga afirma ter sido forçada a ter relações sexuais com o internacional português, a 13 de junho de 2009, num hotel em Las Vegas. A alegada vítima diz ter sido coagida a assinar um acordo de confidencialidade a troco de 325 mil euros. 

Os advogados de Mayorga quiseram reabrir o caso e a polícia de Los Angeles deu ordem para tal. Cristiano Ronaldo negou determinantemente as acusações, mas os fantasmas do passado de CR7 começam a pairar sob a imprensa internacional. 

As festas 'bunga bunga' e a alegada noite proibida com menor

No momento em que as manchetes incendiavam o nome do internacional português e da professora de eduação física, o jornal The Sun recorda uma outra polémica robusta com Karima El Mahroug, uma prostituta marroquina que se tornou popular com as polémicas festas 'bunga bunga' do ex-primeiro ministro e ex-presidente de Itália, Sílvio Berlusconi.

'Ruby', como era apelidada, diz ter conhecido o internacional português em dezembro de 2009 e que este lhe pagou 4 mil euros por uma noite de sexo. No momento para que remete a história, Karima tinha 17 anos. Na altura, Cristiano Ronaldo negou os factos através de um comunicado. 

A britânica que saiu "feliz e entusiasmada" da suposta violação

Para consolidar a sua defesa, os advogados de Mayorga tentaram entrar em contacto com uma mulher britânica que diz ter sido vítima de violação pelo craque português, decorria o ano de 2005. O alegado caso terá ocorrido no Sanderson Hotel em Marylebone, em Londres.

Este sábado, o The Sun publicou declarações de Vince Humphre, o motorista que conduziu a britânica após esta ter saído do hotel. "Ela estava feliz e entusiasmada depois de deixar o quarto de hotel. Disse que ele era amoroso", afirmou Vince.

CR7 chegou a ser interrogado pelas autoridades e o caso foi arquivado. 

'Vida nova, problemas antigos'

Cristiano Ronaldo, a nível desportivo, trocou esta temporada o Real Madrid pela Juventus. O clube italiano pagou 100 milhões de euros pelo internacional português, mas lucrou bastante com a chegada do avançado.

Nas primeiras semanas em Itália, a simples presença de Cristiano Ronaldo fez o emblema italiano bater recordes de vendas e subir em flecha na bolsa local, mas, agora, com todas estas polémicas, o clube começa a ser penalizado.

Patrocinadores e marcas associados a CR7 têm também tentado gerir esta crise. A Nike, que mantém um contrato vitalício com o jogador, disse-se "extremamente preocupa" com a situação. Porém, a 'tragédia' não fica por aqui. 

A EA Sports, marca de videojogos que há anos usa a imagem do jogador para promover o jogo FIFA, afastou-se também do atleta. Num primeiro momento, a fotografia de Ronaldo foi retirada do seu site e mais tarde reposta.

Porém, para lá dos problemas na Juventus, Cristiano Ronaldo voltou a ficar de fora das convocatórias de Fernando Santos para os compromissos da Seleção Nacional. Ainda assim, o 'melhor do mundo' tem recebido comentários positivos de figuras ilustres. Marcelo Rebelo de Sousa, presidente da República, mas também António Costa, primeiro-ministro, saíram em defesa do português. 

Família ao lado do craque: A 'defesa' possível

Katia Aveiro, presença habitual ao lado de Cristiano Ronaldo, foi uma das primeiras a reagir a esta polémica. A irmã do jogador português tornou pública a sua indignação com uma publicação onde aparenta acusar Mayorga de se querer aproveitar da fama do futebolista.

Porém, a viver o seu primeiro relacionamento amoroso sério depois de Irina Shayk, Cristiano Ronaldo, que é pai quatro crianças, certamente estará também a ser questionado por Georgina Rodriguez, sua companheira, que não gostará, como é natural, de ver o nome do seu namorado envolvido nesta polémica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório