Meteorologia

  • 22 JULHO 2018
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

Rede de restaurantes portugueses no mundo tem quase 100 membros

A Rede de Restaurantes Portugueses no Mundo criada pela Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) já tem quase uma centena de membros, adiantou a gestora do programa, Susana Leitão.

Rede de restaurantes portugueses no mundo tem quase 100 membros
Notícias ao Minuto

15:51 - 17/04/18 por Lusa

Economia AHRESP

Após a identificação de pelo menos 523 estabelecimentos em Espanha, França, Brasil, Reino Unido, Alemanha e Canadá, 98 aderiram à rede após terem sido alvo de uma visita técnica, que avaliou fatores como formação profissional, práticas de higiene e segurança alimentar ou decoração, além da execução culinária e do empratamento e apresentação final.

Como critérios obrigatórios figura a existência de, pelo menos, um responsável pelo atendimento ao público que fale português, ementas bilíngues e uma decoração com referências a Portugal.

A Rede pretende fazer dos restaurantes portugueses no estrangeiro "verdadeiros agentes de divulgação, promoção e 'venda' de Portugal", dinamizando o artesanato, produtos e cultura nacional e atraindo turistas ao país.

A primeira fase do projeto começou por Espanha, França, Reino Unido, Alemanha e Brasil e foi cofinanciada em 2 milhões de euros pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020).

Para a segunda fase, que vai englobar a Bélgica, Holanda, Luxemburgo, Suíça, Canadá, Estados Unidos e China, a AHRESP vai investir 3,5 milhões de euros, cujo financiamento ainda não foi garantido.

O projeto faz parte do programa "Taste Portugal", que conta com o apoio do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Turismo de Portugal e Minha Terra - Federação Portuguesa das Associações de Desenvolvimento Local.

Susana Leitão falava à agência Lusa em Londres, onde a AHRESP concluiu na segunda-feira uma viagem pelos cinco países iniciais para entregar as placas oficiais de membros aos restaurantes aderentes à rede.

Dos 75 identificados no Reino Unido, 15 aderiram ao projeto, incluindo A Toca, de Fernando Marques.

"Temos um restaurante grande e interessa-nos angariar mais clientes ingleses", disse à agência Lusa, durante uma cerimónia na embaixada de Portugal.

Proprietário do espaço há mais de 10 anos, sente-se "orgulhoso por levar a gastronomia portuguesa a mais pessoas".

Sobre a adesão à Rede, além de publicidade, espera poder beneficiar recebendo estagiários das Escolas de Turismo e Hotelaria do Turismo de Portugal e das Instituições de Ensino Superior Politécnico de Portugal.

"Ficamos nós mais atualizados em termos de técnicas e conhecimento e eles aprendem sobre os gostos e costumes dos britânicos", disse.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.