Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2018
Tempo
24º
MIN 21º MÁX 27º

Edição

Lucro da Vista Alegre mais que duplica para 4,2 milhões de euros

O lucro da Vista Alegre mais que duplicou (142%) no ano passado, face a 2016, para 4,2 milhões de euros, anunciou hoje a marca de cristal e porcelana.

Lucro da Vista Alegre mais que duplica para 4,2 milhões de euros
Notícias ao Minuto

18:21 - 14/03/18 por Lusa

Economia Resultados

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Vista Alegre adianta que o resultado líquido "foi superior em 2,5 milhões de euros face ao ano anterior".

"Esta evolução deveu-se a uma forte aposta na expansão internacional, ao desenvolvimento de processos de melhoria contínua e às melhorias implementadas na eficiência operacional, bem como ao foco na inovação", referiu a empresa.

No período em análise, o volume de negócios subiu 13%, para 85 milhões de euros, e o resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) evoluiu 42% para 13,6 milhões de euros, "tendo a sua margem crescido 3,3 pontos percentuais face ao ano de 2016, alcançando os 16% em 2017".

"O foco na eficiência produtiva e o bom desempenho das vendas permitiram o crescimento do resultado operacional em 39% face a 2016, para os 7,7 milhões de euros", acrescenta a Vista Alegre.

No ano passado, a Vista Alegre reforçou a sua presença internacional, com os mercados externos a representarem 64% do volume de negócios (54,5 milhões de euros).

A empresa destaca que a Ria Stone, subsidiária do grupo Vista Alegre, "está a aumentar a capacidade produtiva em mais 60% para o cliente IKEA, estendendo o contrato com garantia de compra da produção até 2026 e um volume de negócios estimado de 250 milhões de euros no perído do contrato".

Este aumento da produção em 60% vai permitir a produção anual de mais 48 milhões de peças de louça de mesa em grés decoradas digitalmente e fabricadas por monocozedura, estimando-se a conclusão do investimento em outubro deste ano.

A marca estabeleceu ainda um contrato com a Hennessy (grupo Louis Vuitton) plurianual no valor de 16 milhões de euros para a produção e fornecimento de garrafas de luxo de cristal para conhaque.

No mercado interno, a Vista Alegre registou um crescimento de 11% face a 2016, para 30,5 milhões de euros.

"Tal deveu-se, essencialmente, à consolidação da estratégia comercial da Vista Alegre em Portugal, com uma maior aposta nos seus canais de vendas", adianta.

No canal HoReCa - Hotéis, Restaurantes e Cafés, registou-se uma subida de 11% ao nível do mercado externo, com destaque no segmento 'premium'.

Em 2017, o grupo investiu essencialmente no segmento do grés (forno e mesa) e cristal.

Sobre as perspectivas, a Vista Alegre adianta que "vai manter o foco na inovação, investigação e desenvolvimento, com vista a alcançar maiores níveis de competitividade, dispondo assim de uma maior diversificação e diferenciação de produtos e alcançando um maior número de clientes com recurso a canais de distribuição muito variados".

O grupo "tem em curso projetos de inovação produtiva, com o objetivo de fomentar a competitividade, seja por aumento de capacidade, diversificação da produção ou alterações fundamentais ao processo produtivo" e espera que estes permitam "incrementar o volume de negócios internacional, melhorar a produtividade e a eficiência operacional e reforçar a sua presença no mundo", refere.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório