Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2017
Tempo
MIN 5º MÁX 6º

Edição

Ocupação hoteleira no Algarve cai para 45,3% em novembro

O Algarve registou em novembro uma taxa de ocupação hoteleira de 45,3%, menos 1,8 pontos percentuais do que no período homólogo, sobretudo com a descida do mercado britânico, anunciou hoje a maior associação hoteleira da região.

Ocupação hoteleira no Algarve cai para 45,3% em novembro
Notícias ao Minuto

17:09 - 06/12/17 por Lusa

Economia Taxa

"A taxa de ocupação global média/quarto foi de 45,3%, 1,8 pontos percentuais inferior à registada no ano anterior, tendo sido o mercado britânico o que mais contribuiu para a descida verificada, informou a Associação de Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) no resumo da evolução mensal da atividade do setor.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da AHETA, Elidérico Viegas, disse que a descida do mercado britânico "tem a ver, sobretudo, com a desvalorização da Libra, na sequência do 'Brexit', e com a falência de operadores turísticos".

"Devido a estes fatores, perspetiva-se a tendência de descida deste mercado para o Algarve", sublinhou Elidérico Viegas.

De acordo com os dados provisórios revelados pela associação dos hoteleiros, no mês de novembro e, em contraciclo com o mercado britânico (-4,1 p.p.), estão os mercados alemão (mais 0,9 p.p.), irlandês (+0,6 p.p.) e holandês (+0,4 p.p.).

Apesar da descida na taxa de ocupação em novembro, o volume de vendas nas unidades hoteleiras algarvias cresceu 8,9% relativamente ao mesmo período do ano passado.

Por zonas geográficas, as maiores descidas ocorreram em Monte Gordo/Vila Real de Santo António (-12,1 p.p.) e Vilamoura/Quarteira/Quinta do Lago (-11,2 p.p.).

Albufeira, a principal zona turística do Algarve, registou uma descida de três pontos percentuais.

As principais subidas registaram-se em Tavira (+5,8 p.p.) e em Faro/Olhão (+4,3 p.p.).

Em termos acumulados, nos últimos 12 meses, a taxa de ocupação/quarto aumentou 1,8%, destaca a AHETA.

Segundo o presidente da AHETA, perspetiva-se uma taxa de ocupação elevada no Algarve durante os períodos de Natal e de fim de ano, "nomeadamente devido ao mercado interno, onde não estão previstas descidas".

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório