Meteorologia

  • 18 DEZEMBRO 2017
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 15º

Edição

Mais de 100 milhões captados no verão em investimento de vistos gold

O investimento captado dos vistos 'gold' entre agosto e outubro ascendeu a 102,8 milhões de euros, dos quais 93 milhões de euros correspondem à compra de imóveis, de acordo com dados do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Mais de 100 milhões captados no verão em investimento de vistos gold
Notícias ao Minuto

08:53 - 06/12/17 por Lusa

Economia Dados

No final de julho, o investimento acumulado por via da Autorização de Residência para Atividade de Investimento (ARI), também conhecida como visto gold, atingiu os 3.223.403.061,34 euros.

Em agosto e setembro, o SEF não publicou as estatísticas mensais acumuladas, só voltando a divulgá-las em outubro, altura em que o investimento acumulado ascendia a 3.326.273.404,63 euros.

A Lusa pediu por várias vezes os mapas de agosto e setembro e questionou o SEF sobre a razão de os dados não terem sido publicados naqueles meses, ao contrário do que tem acontecido, tendo o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) reiterado que "o tratamento estatístico solicitado, dos dados cumulativos referentes a agosto e setembro, foi efetuado englobando os três meses (agosto, setembro e outubro), pelo que foi disponibilizado o respetivo mapa cumulativo no mês de outubro".

De acordo com contas feitas pela Lusa, de agosto até final de outubro o investimento total captado foi de 102.870.343, 29 euros, dos quais 93.147.494,2 euros por via de aquisição de imóveis e 9.722.849,09 euros pelo critério de transferência de capital.

Neste período, foram atribuídos 169 vistos dourados.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório