Meteorologia

  • 25 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Rating: "Governo nunca duvidou que progresso seria reconhecido"

Ministério das Finanças congratula-se com a decisão da Standard & Poor's. Agência de rating retira Portugal do nível 'lixo'.

Rating: "Governo nunca duvidou que progresso seria reconhecido"
Notícias ao Minuto

21:51 - 15/09/17 por Goreti Pera

Economia Finanças

Standard & Poor's retirou, esta sexta-feira, o rating de Portugal do nível ‘lixo’, colocando-o no primeiro nível de investimento. O Ministério das Finanças português reagiu prontamente, dizendo que “a decisão abre caminho ao alargamento da base de investidores na dívida da República Portuguesa e à melhoria das suas condições de financiamento” e que “este efeito permitirá a melhoria das condições de financiamento das famílias e empresas portuguesas”.

“A decisão da Standard and Poor’s traduz o crescente reconhecimento, por parte de agentes institucionais e privados, do progresso notável que Portugal tem vindo a fazer na economia e nas contas públicas. A Standard and Poor’s baseia a sua decisão no reconhecimento da recente mudança estrutural ocorrida no setor financeiro, na abrangência do crescimento económico, alicerçado numa forte dinâmica de investimento e de exportações, e no controlo da despesa e da dívida pública”, congratulou-se o ministro das Finanças, numa nota enviada às redações.

Mário Centeno ressalva ainda que “a avaliação positiva” da agência de notação financeira “surge na sequência de sólidos resultados económicos e financeiros que Portugal alcançou, incluindo nas suas

contas públicas, entre os quais se destacam a saída de Portugal do procedimento por défice excessivo, o défice mais baixo do seu período democrático, o maior crescimento económico deste século e uma criação de emprego que supera a média da União Europeia”.

“O Governo nunca duvidou que o progresso inequívoco que Portugal fez ao longo dos últimos anos seria reconhecido. Para dar continuidade a esse progresso, o Governo reitera o compromisso de seguir um caminho de equilíbrio das contas públicas e de crescimento sustentável e inclusivo, preservando os sucessos alcançados e aprofundando o esforço reformista orientado para melhorar o

potencial de crescimento do país”, lê-se ainda na nota divulgada pelo gabinete do ministro das Finanças.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório