Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Ryanair vai voar para seis novos destinos a partir do Porto

De Itália à Grécia, os passageiros da Ryanair vão ter mais escolha na altura de partir da Invicta para o estrangeiro.

Ryanair vai voar para seis novos destinos a partir do Porto
Notícias ao Minuto

11:56 - 16/08/17 por Bruno Mourão

Economia Transportes

Agora que Lisboa e o Porto estão na moda, as companhias aéreas apostam cada vez mais nas ligações entre as duas grandes cidades portuguesas e outros locais turísticos na Europa. Desta vez, é a Ryanair quem anuncia a inauguração de novas rotas a partir da Invicta. 

"A Ryanair lançou hoje (16 de agosto) seis novas rotas com partida do Porto para Bari, Bratislava, Brindisi, Budapeste, Praga e Salónica, com conexão através de Milão-Bérgamo", pode ler-se num comunicado oficial enviado para a redação do Economia ao Minuto

As novas ligações surgem cerca de um mês depois de ser inaugurada a ligação entre Porto e Milão-Bérgamo e vão permitir viagens simplificadas para seis cidades conhecidas pela forte componente turística. As transferências entre voos vão ser feitas sem que os passageiros sejam obrigados a sair da zona de embarques, as bagagens de porão são automaticamente transferidas para o destino e apesar de serem feitos dois voos, o passageiro terá apenas uma referência para ambos. 

A Ryanair anuncia ainda que está a oferecer bilhetes promocionais para setembro e outubro a partir de 19,99 euros, para quem queira viajar a partir do Aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório