Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2019
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 19º

Edição

Nelo investe 10 milhões e entra também no remo, vela, kite surf e paddle

A Nelo, empresa portuguesa líder mundial de caiaques de competição, e que no Rio2016 'conquistou' mais de três quartos das medalhas na canoagem, vai investir 10 milhões de euros e alargar operação para o remo, vela, kite surf e paddle.

Nelo investe 10 milhões e entra também no remo, vela, kite surf e paddle
Notícias ao Minuto

16:27 - 12/07/17 por Lusa

Economia Negócio

"É um investimento forte que a Nelo considerou dar neste momento para se consolidar como líder nos mercados em que atua, mas também abrir portas a outros mercados onde não atua e pretende iniciar atividade", esclareceu André Santos, diretor-geral da Nelo, que dirige as operações da empresa nos Europeus da Bulgária, de sexta-feira a domingo.

Atualmente, a Nelo produz 18 a 20 barcos por dia, mas a ideia não é duplicar, mas diversificar, entrando em outras áreas: o crescimento de produção para a competição será na ordem dos "30 a 40 por cento", mas também dar a resposta que a empresa não tem conseguido ao mercado de caiaques de mar e de lazer.

"Queremos duplicar faturação a médio prazo, mas não o numero de caiaques produzidos. Pretendemos entrar nesses novos mercados, com projetos mais pequenos, mas que vão dar à Nelo a dimensão e escala que queremos", reforçou.

A entrada em novos desportos, "aproveitando alguma semelhança de necessidades tecnológicas", não significa que aconteça com marca própria, como no caso do remo, mas não na vela, modalidade na qual a Nelo já trabalha em três projetos, em outras tantas parcerias.

"É um investimento a rondar os 10 milhões de euros em instalações, formação e equipamentos, tudo associado a uma transformação de passar para o triplo dimensão em termos de metros quadrados e dobro dos funcionários. Pretendemos recuperar esse investimento nos próximos cinco, seis anos", revelou.

André Santos diz que "acima de tudo, vai mudar a dimensão e responsabilidade de toda a operação" e avançou que nos próximos 12-18 meses a empresa vai contratar mais 75 funcionários, além dos 25 que já entraram desde janeiro para preparação das novas instalações.

"A médio prazo, seremos 200", concluiu.

A alteração de instalações, que triplica o espaço dos atuais 6.000 m2 para 17.500 m2, sempre no concelho de Vila do Conde, deve verificar-se até final de julho, o motivo principal para Manuel Ramos, 'Nelo', falhar os seus primeiros europeus.

A Nelo 'tem' no historial 93 medalhas olímpicas, sendo que no Rio2016 conquistou 27 em 35 possíveis.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório