Meteorologia

  • 19 FEVEREIRO 2020
Tempo
14º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

Portugal pediu registo de mais de 150 patentes junto de instituto europeu

Portugal enviou no ano passado mais de 150 pedidos de registo de patentes para a entidade europeia responsável, um aumento de 8,5% em relação ao ano anterior, com destaque para os setores do mobiliário e farmácia.

Portugal pediu registo de mais de 150 patentes junto de instituto europeu
Notícias ao Minuto

09:10 - 07/03/17 por Lusa

Economia Aumento

Os dados foram hoje divulgados pelo Instituto Europeu de Patentes, que regista o aumento de Portugal num ano em que a média europeia desceu 0,6%.

Ao todo, 153 pedidos oriundos de Portugal chegaram ao instituto, que recebeu 160 mil pedidos no total oriundos de países da União Europeia.

Destes, sete por cento vieram da área do mobiliário, outros oito por cento da indústria farmacêutica e sete por cento foram de instrumentos de cálculo e medição.

No ano de 2016 aumentaram também os pedidos dos setores da química orgânica, transportes, maquinaria, eletricidade e energia.

A empresa de cafés Novadelta foi a entidade que apresentou mais pedidos, 12 no total.

A maior parte dos pedidos com origem em Portugal veio das regiões do Minho e Douro Litoral (41% do total), seguido de Lisboa (17,9%) e Beira Litoral (17,3%).

Embora tenha descido ligeiramente, o setor médico ainda é a origem da maior parte dos pedidos de patentes registados pelo instituto.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório