Indústria da zona euro cresce em novembro a ritmo mais elevado desde 2014

A indústria da zona euro cresceu em novembro ao ritmo mais elevado desde janeiro de 2014, de acordo com o índice industrial PMI hoje divulgado pela empresa de serviços de informação financeira Markit.

© Reuters
Economia PMI

O índice PMI final do setor industrial da zona euro da Markit aumentou de 53,5 pontos em outubro para 53,7 pontos em novembro, registando o máximo em 34 meses.

PUB

Um PMI acima dos 50 pontos indica que a economia da zona euro continua a crescer.

"Os dados nacionais do PMI registam uma sólida coluna geográfica de crescimento" que vai desde a Holanda, atravessa a Alemanha até à Áustria, refere a Markit, no comunicado.

O índice PMI da Holanda alcançou o máximo de 35 meses, o austríaco o recorde de 66 meses e o alemão manteve-se próximo do máximo de 33 meses, registado em outubro.

"Em Espanha, Itália e Irlanda também se registaram ritmos de expansão mais fortes, apesar do crescimento ter desacelerado ligeiramente em França", refere a Markit.

Já o setor industrial da Grécia "continuou em contração" e o índice PMI "caiu até ao mínimo de 12 meses, mas manteve-se acima dos mínimos observados em meados de 2015".

A Markit explicou que o andamento da indústria na zona euro, durante o mês passado, deveu-se essencialmente "a um novo aumento dos volumes de produção" e a "uma maior afluência de novos pedidos".

Adiantou que os preços de venda subiram ao ritmo mais elevado em mais de cinco anos e que a inflação dos custos aumentou para um recorde em 56 meses.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS