Gigantes alemães juntos para melhorar carregamentos de carros elétricos

Quatro das maiores empresas automóveis germânicas preparam uma aliança de respeito pelo futuro dos carros com emissões zero.

© Reuters
Economia Automóveis

A dona da Mercedes, a BMW, a Audi e a Porsche assinaram um acordo que vai permitir a criação de uma rede de carregamento rápido europeia bastante mais robusta do que a atual. Em comunicado oficial, as quatro empresas antecipam a criação de uma companhia gerida em conjunto com o objetivo de tornar os carregamentos mais convenientes. 

PUB

O número limitado de postos de carregamento rápido no continente europeu limita seriamente a capacidade de usar veículos elétricos de forma continuada em viagens longas por estrada, juntando-se à autonomia limitada como um dos grandes contras da utilização deste tipo de veículos. 

A partir do próximo ano, a Audi, a BMW, a Daimler e a Porsche vão começar a construir 400 postos de carregamento muito rápidos: "Queremos criar uma rede na qual os nossos clientes apenas precisem de uma pausa para beber café para recarregar os automóveis". 

As marcas classificam o acordo como uma "cooperação sem precedentes" que permitirá a criação de uma rede única de abastecimento acessível a todos os condutores e veículos elétricos.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS