Confederação dos Serviços satisfeita com alteração no adicional ao IMI

Os partidos que suportam o Governo no parlamento - PS, Bloco de Esquerda e PCP - aprovaram esta segunda-feira o novo adicional ao IMI.

© Reuters
Economia Medida

A Confederação dos Serviços de Portugal (CSP) congratulou-se com a aprovação da alteração no adicional ao Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), que foi hoje aprovado no Parlamento, e que entrará em vigor com o orçamento do próximo ano.

PUB

A CSP lembra que alertou “desde o primeiro momento para o impacto negativo desta medida fiscal caso viesse a ser aplicada ao setor do comércio e serviços”.

“Esta alteração é um sinal positivo dado pelo Governo e pelo Parlamento aos operadores do setor terciário e constitui uma vitória do diálogo social”, afirma Jorge Jordão, presidente da CSP, em comunicado.

A alteração da medida foi proposta pelo PS e contou com os votos contra do PSD e do CDS.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS