Meteorologia

  • 19 MAIO 2024
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 21º

Neste país europeu, as notas e moedas já são praticamente relíquias

Na Europa do Norte, um dos países mais conhecidos pelas políticas sociais progressistas está a ser pioneiro de uma mudança financeira aparentemente inevitável.

Neste país europeu, as notas e moedas já são praticamente relíquias
Notícias ao Minuto

07:05 - 30/10/16 por Bruno Mourão

Economia Divisas

A Suécia é conhecida em todo o mundo por muitos motivos. Casa dos Abba, lar do socialismo idílico, país sem noite durante meses e sem sol aberto em tantos outros, o reino sueco é normalmente o exemplo para as mudanças sociais, mas não se fica por aí. 

Numa viagem ao país nórdico, a CNN descobriu um sistema financeiro inovador, que já esqueceu o título de primeira nação europeia a imprimir notas e está hoje em dia muito próxima de deixar de usar dinheiro físico. No ano passado, as transações com notas e moedas representaram apenas 2% do total de pagamentos na Suécia e na capital Estocolmo, é quase impossível encontrar quem aceite dinheiro clássico. 

O museu dos Abba, o comércio a retalho, as mercearias e os transportes públicos rejeitam notas e moedas e mesmo os vendedores ambulantes de jornais lidam quase exclusivamente com pagamentos eletrónicos.

Confrontados com exemplares recentes de coroas suecas, há mesmo quem admita nunca ter visto as notas em versão real.

Para ajudar a evolução financeira, os seis principais bancos suecos juntaram-se e criaram a ferramenta que é hoje a grande arma dos consumidores. A Swish, aplicação que permite a gestão em tempo real da conta bancária e a transferência de valores para outros utilizadores é de tal forma universal que mesmo os vendedores de rua a utilizam como principal forma de pagamento. 

Os próximos dois anos poderão marcar o desaparecimento oficial das notas e moedas das ruas suecas, ainda que os cidadãos possam guardar os exemplares como relíquias de tempos antigos.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório