Meteorologia

  • 02 MARçO 2021
Tempo
11º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Bolsas europeias em alta à espera da reunião do Banco de Inglaterra

As principais bolsas europeias estavam hoje de manhã em alta, à espera das conclusões da reunião do Banco de Inglaterra, que podem resultar numa descida das taxas de juro, na sequência do 'Brexit'.

Bolsas europeias em alta à espera da reunião do Banco de Inglaterra
Notícias ao Minuto

09:25 - 14/07/16 por Lusa

Economia Mercado

Cerca das 09:20 em Lisboa, o EuroStoxx 50, índice que representa as principais empresas da zona euro, estava a subir 1,34%, para 2.965,21 pontos.

As bolsas de Paris e Frankfurt estavam a subir 1,27% e 1,39%, respetivamente, bem como as de Madrid e de Milão, que estavam a avançar 0,88% e 1,54%. Londres também estava em alta, a subir 0,77%.

Depois de ter aberto em alta, a Bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 09:20, o principal índice, o PSI20, estava a valorizar-se 1,27%, para 4.612,81 pontos.

Os investidores continuam animados, mas cautelosos, com a valorização da libra e do euro face ao dólar e com a subida do preço do petróleo.

A nível cambial, o euro abriu em alta no mercado de divisas de Frankfurt, a cotar-se a 1,1111 dólares, contra 1,1102 na quarta-feira.

O Banco Central Europeu (BCE) fixou na quarta-feira o câmbio de referência da divisa europeia em 1,1072 dólares.

Desde que se confirmou que Theresa May seria a nova primeira-ministra do Reino Unido, cargo que assumiu na quarta-feira, a libra começou a valorizar-se sustentadamente face ao dólar e abriu hoje a 1,325 dólares.

O barril de petróleo Brent, para entrega em setembro, abriu hoje em alta, mas a cotar-se a 46,67 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, mais 0,69% do que no encerramento da sessão anterior.

Em Nova Iorque, a bolsa de Wall Street terminou em alta na quarta-feira, com o Dow Jones a subir 0,13%, para 18.372,12 pontos, um segundo novo máximo consecutivo desde que foi criado.

Na Ásia, a bolsa de Tóquio voltou hoje a fechar em alta.

A bolsa de Tóquio tem terminado sempre em alta esta semana, graças à depreciação do iene face ao dólar e ao otimismo gerado pela decisão do Governo nipónico de preparar uma nova série de medidas de estímulo para reativar a sua estratégia de crescimento económico, conhecida como "Abenomics", depois de o partido do primeiro-ministro nipónico, Shinzo Abe, ter conseguido uma clara vitória nas eleições para o Senado do Japão, com a qual reforça a sua liderança.

Contudo, os investidores estão à espera das conclusões da reunião que o Banco de Inglaterra, no final da qual poderia ser anunciada uma alteração das taxas de juro depois de analisada a situação económica do país na sequência do 'brexit'.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório