Meteorologia

  • 24 ABRIL 2024
Tempo
23º
MIN 12º MÁX 24º

CMU Portugal recebe propostas de startups de tecnologias da informação

O programa Carnegie Mellon Portugal (CMU Portugal) está a receber candidaturas para a iniciativa de aceleração de negócios para empreendedores portugueses de tecnologias da comunicação, que podem ir aos EUA procurar experiência, contactos e financiamento.

CMU Portugal recebe propostas de startups de tecnologias da informação
Notícias ao Minuto

10:05 - 16/04/16 por Lusa

Economia Programa

Depois de ter corrido muito bem em 2015, com as quatro equipas de empreendedores a passar sete semanas nos EUA", em Pittsburgh e em Silicon Valley, está a arrancar a terceira edição do "inRes -- Entrepreneurship In Residence", disse hoje à agência Lusa o diretor do CMU Portugal, João Claro.

As candidaturas podem ser apresentadas até 16 de maio, será realizado um 'road show' para "haver a oportunidade de interagir diretamente com potenciais candidatos, em Lisboa, Porto e Coimbra, onde há uma dinâmica muito forte nas tecnologias da informação e comunicação", avançou o responsável.

Nas edições anteriores, o programa, resultante de uma parceria com a universidade norte-americana Carnegie Mellon, recebeu propostas de cerca de uma dezena de equipas, sendo a seleção feita com base na candidatura apresentada e em entrevistas pessoais.

João Claro explicou que, este ano, há uma alteração e será acolhido de início, para o período de preparação em Portugal, um grupo mais alargado, seguindo-se uma fase de seleção de onde sairá um conjunto mais pequeno para ir aos EUA.

Todo o processo é composto por passos "extremamente importantes [para a equipa], decisivos do ponto de vista da sua valorização e muito importantes em termos de credibilização junto dos investidores, do próprio mercado e do estabelecimento das parcerias internacionais que precisam para ser 'start ups' globais", especificou o diretor do CMU Portugal.

As equipas que participaram na anterior edição são das áreas de dispositivos médicos, entretenimento e jogos e engenharia de 'software'.

Nos EUA, as equipas "levaram a cabo tarefas fundamentais nesta altura [da sua atividade], que são o objetivo deste apoio", relacionadas com a forma de avançar com "muita robustez na validação dos seus projetos de negócio", e tiveram a oportunidade de falar com muitos clientes e peritos tecnológicos" nas suas áreas.

Entre os aspetos trabalhados nos EUA, está "a oportunidade de criar colaborações estratégicas, o contacto com uma série de parceiros para conduzirem [projetos] pilotos na área clínica, ou já com contratos para a utilização de sistemas desenvolvidos por estas empresas", com fornecedores ou visando a criação de uma rede local para futuros negócios naquele país, referiu João Claro.

A capacitação dos empreendedores é outra vertente concretizada através dos vários contactos realizados, nomeadamente a possibilidade de trabalhar com outros empreendedores numa entidade aceleradora norte-americana e aprender como enfrentar os desafios de liderar uma 'start up' de base tecnológica.

As sessões de apresentação do programa do CMU Portugal realizam-se no Porto a 18 de abril e a 02 de maio), em Lisboa, a 21 de abril e Coimbra a 27 de abril.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório