Meteorologia

  • 13 JUNHO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 29º

Edição

Estado quer British Hospital na insolvência de antiga dona do BPN

Processo está a caminho dos tribunais portugueses. Plano Especial de Revitalização da Galilei poderá não deixar de fora a área da saude.

Estado quer British Hospital na insolvência de antiga dona do BPN

Afinal, a marca British Hospital poderá não ficar imune ao processo de insolvência da Galilei. A antiga Sociedade Lusa de Negócios tinha comunicado aos funcionários que as subsidiárias do setor da saúde não seriam afetadas pela reestruturação, saudando as "elevadas competências competitivas e performance económica" da área.

Agora, o Estado português veio a público assegurar que o British Hospital deverá ser incluído no plano de pagamento de dívidas. "O Estado, através da Parvalorem, obteve em devido tempo direitos firmes e inequívocos sobre muitos ativos da Galilei e da Sociedade Lusa de Negócios, em que se incluem os referentes à área da saúde", garantiu Francisco Nogueira Leite em declarações ao Jornal de Negócios.

O presidente da Parvalorem acrescenta que foi reclamado "o montante de 1.324 milhões de euros, devidamente justificados e legalmente fundamentados", para cobrir a dívida da antiga dona do BPN aos cofres públicos. A Galilei reconhece apenas um incumprimento de 470 milhões de euros, excluindo do total várias dívidas no estrangeiro.

Com o Plano Especial de Revitalização em risco, a batalha entre Parvalorem e antiga Sociedade Lusa de Negócios ameaça chegar aos tribunais, adiando mais uma vez a conclusão de um dos casos mais emblemáticos dos últimos anos em Portugal.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório