Meteorologia

  • 08 MAIO 2021
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 24º

Edição

Porto Rico pode entrar em incumprimento a 1 de agosto

Fundos necessários para pagar títulos de dívida não foram disponibilizados e o default está iminente.

Porto Rico pode entrar em incumprimento a 1 de agosto

No dia 1 de agosto, Porto Rico pode entrar em incumprimento se não pagar os 36,3 milhões de dólares de dívida que vencem nesse dia, noticia o Jornal de Negócios.

Aquele estado livre associado dos EUA tem uma dívida de 72 mil milhões de dólares, dos quais mais de 36 milhões têm de ser pagos até ao primeiro dia do próximo mês, sob pena de o país entrar, pela primeira vez, em incumprimento.

Contudo, o Governo não se apropriou dos fundos quando aprovou o orçamento, no mês passado, e uma das suas agências, o Public Finance Corp., não direcionou as verbas para o pagamento de dívida.

"Em conformidade com os termos desses títulos, a transferência não foi feita devido à não-apropriação dos fundos", informou a presidente do Banco de Desenvolvimento, Melba Acosta, citada pela Bloomberg.

Desta feita, torna-se difícil para o estado encontrar uma solução que evite o incumprimento. O default está, portanto, iminente.

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório