Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 27º

Edição

Reembolso de dívida do BES a na mão do Credit Suisse

A instituição liderada por Stock da Cunha comprometeu-se a apresentar soluções para os investidores emigrantes que têm dívida do BES até maio.

Reembolso de dívida do BES a na mão do Credit Suisse

A queda do BES ainda dá que falar. Escreve esta terça-feira o Jornal de Negócios que o Novo Banco aguarda a desmontagem por parte do Credit Suisse dos veículos que detêm dívida do BES para avançar com propostas comerciais para resolver a situação de emigrantes que compraram dívida do banco que foi liderado por Ricardo Salgado.

A ideia é que já em maio Stock da Cunha possa apresentar uma solução para este problema, sendo que o responsável pelo Novo Banco, quando foi à Comissão de Inquérito ao Caso BES, assegurou que tentaria apresentar uma solução dentro de seis a oito semanas.

Para que isso aconteça, explica o Negócios, será necessário que o Credit Suisse “imploda” os seus veículos, conhecidos como Poupança Plus, EuroAforro e Top Renda, todos com sede na ilha de Jersey, o que acaba por atrasar o processo. Só depois de desmontados os veículos será possível perceber as maturidades das obrigações do BES.

Do ponto de vista jurídico, mas também técnico, a solução destes veículos é vista como complicada quando comparada com as soluções encontradas para a gestão de carteira discricionária ou para as obrigações seniores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório