Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2019
Tempo
20º
MIN 17º MÁX 25º

Edição

Metalúrgicos e Metalomecânicos sobem salário mínimo para 500 euros

A Associação dos Industriais Metalúrgicos, Metalomecânicos e Afins de Portugal (AIMMAP) e os sindicatos do sector filiados na UGT assinaram esta quinta-feira um acordo que aumentará em 2013 o salário mínimo dos trabalhadores para os 500 euros.

Metalúrgicos e Metalomecânicos sobem salário mínimo para 500 euros

Em declarações à agência Lusa, o vice-presidente da AIMMAP, Rafael Campos Ferreira, disse que serão abrangidos pela medida mais de 2.500 trabalhadores de empresas associadas, que actualmente recebem o valor do Salário Mínimo Nacional (SMN), de 485 euros.

“A economia portuguesa está numa situação de grande dificuldade e este sector, apesar de tudo, tem respondido um pouco melhor do que a média, sendo aliás um sector altamente exportador e que representa um terço das exportações da indústria transformadora e portanto é uma forma, dentro de este quadro muito difícil em que vivemos, de podermos repartir um pouco aquilo que são os relativamente bom resultados do sector”, justificou.

Além do aumento do salário mínimo para o sector “independente de qualquer decisão que venha ou não a ser tomada por parte do Governo relativamente ao SMN”, os sindicatos e a AIMMAP decidiram também aumentar o subsídio de refeição para 4,20 euros e eliminar a tabela salarial inferior do Contrato Colectivo de Trabalho.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório