Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2020
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 20º

Edição

Governo recusou injetar dinheiro dos contribuintes no BES

O Governo recusou aplicar no Banco Espírito Santo o dinheiro da troika destinado à recapitalização dos bancos, escreve hoje o semanário Expresso.

Governo recusou injetar dinheiro dos contribuintes no BES

Segundo notícia avançada este sábado pelo Expresso, a ministra das Finanças recusou injetar no Banco Espírito Santo o dinheiro que a troika tinha ‘dado’ a Portugal para a recapitalização dos bancos.

Quando as contas do Banco Espírito Santo revelaram a frágil situação em que o banco se encontrava, o então presidente Vítor Bento pediu uma reunião com a ministra Maria Luís Albuquerque.

Os números davam conta de um rácio de capital do banco de 5,1%, quando o mínimo exigido era 8%.

Perante este cenário, o presidente que sucedeu a Ricardo Salgado questionou a ministra das Finanças quanto à possibilidade de o Governo injetar no BES o capital que estava previsto no ‘pacote’ da troika para a recapitalização da banca.

Mas a resposta foi negativa, apesar da urgência que o banco apresentava numa injeção de capital.

Escreve o Expresso que se tratou de uma decisão política, isto é, o Executivo recusou aplicar dinheiro dos contribuintes para resgatar o BES, o que já tinha feito anteriormente no BPI, no BCP e no Banif.

Questionada a ministra pelo Expresso sobre esta situação, o gabinete do Ministério das Finanças limitou-se a responder que “sobre este tema, a senhora ministra prestará todos os esclarecimentos adicionais considerados necessários em sede própria, ou seja, na comissão parlamentar de inquérito”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório