Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 28º

Edição

Espanha não aumentará IVA porque isso é "contraproducente"

O ministro da Fazenda espanhol, Cristóbal Montoro, garantiu hoje que o executivo não vai subir o IVA porque isso é "desnecessário" e seria "contraproducente" para os esforços de reativar a economia.

Espanha não aumentará IVA porque isso é "contraproducente"
Notícias ao Minuto

10:50 - 18/09/14 por Lusa

Economia Carga fiscal

Montoro falava no plenário do Congresso de Deputados durante o debate dos diplomas de reforma fiscal aprovados em junho e com os quais o executivo estima que cerca de 9 mil milhões de euros voltarão aos bolsos dos contribuintes nos próximos dois anos.

Em causa estão reduções ao imposto sobre o rendimento das famílias (IRPF) e também ao imposto sobre as empresas, e ainda alterações ao IVA.

Espanha tem uma taxa máxima do IVA de 21% desde setembro de 2012, tendo o FMI e a Comissão Europeia recomendado que o nível seja aumentado, algo que o Governo espanhol rejeitou fazer.

Montoro insistiu que o Governo "rejeita" as posições a favor de aumentos do IVA, já que "as receitas de IVA vão bem, muito bem", disse.

"Subir o IVA é não só desnecessário, mas seria contraproducente para fomentar o consumo e propiciar a recuperação da procura, como parte do motor para o crescimento económico", disse.

Manter o IVA nos níveis atuais beneficiará muitos setores económico e, nesse sentido, destacou o turismo e a hotelaria e restauração (com um nível de IVA de 10%) e que "estão a fomentar o arranque da economia".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório