Meteorologia

  • 23 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 13º MÁX 24º

"Sem chumbos, eliminaríamos sobretaxa de IRS num ano"

O ministro da Economia, Pires de Lima, afirmou, em entrevista ao Diário Económico, que a atualmente ?há limitações? que impedem o Governo de falar de redução de impostos e que ?uma parte são consequência dos chumbos do Tribunal Constitucional às medidas de redução da despesa?. Se assim não fosse, assume, o Executivo ?estaria em condições de eliminar num ano a sobretaxa de IRS?.

"Sem chumbos, eliminaríamos sobretaxa de IRS num ano"
Notícias ao Minuto

08:04 - 12/09/14 por Notícias Ao Minuto

Economia Pires de Lima

O ciclo económico tem dado sinais de melhoria, mas esses sinais não são, ainda, suficientes para que o Governo se comprometa com uma redução da carga fiscal.

O assunto foi, uma vez mais, tema de conversa, desta vez com o ministro da Economia, que deu uma entrevista ao Diário Económico, deixando claro que há “limitações”.

E essas limitações, garante, são, “em parte, consequência dos sucessivos chumbos do Tribunal Constitucional às medidas de redução da despesa”, sendo que se tal não se tivesse registado “o Governo estaria em condições de eliminar num ano a sobretaxa de IRS”. Mas isso não é tudo. Uma parte é explicada, também, pela derrapagem da despesa dos ministérios, cujos cálculos já foram conhecidos.

Ainda assim, Portugal tem metas a cumprir, que dizem respeito ao défice e que merecem ser assunto de “debate em Conselho de Ministros”, como o próprio governante assume.

“A meta que está formalizada com a União Europeia é 2,5% [em 2015]. Este esforço tem de ser feito através da contenção da despesa” e da “consolidação orçamental”, afirma, traçando aquelas que considera ser as prioridades: “continuar o trajeto de reforma do IRC (…) e debater a reforma do IRS”.

“Todos temos consciência que quem vive do seu trabalho paga um nível de impostos enorme, mesmo para rendimentos medianos. Seria desejável que a reforma do IRS se iniciasse em 2015”, vinca.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório