Meteorologia

  • 24 JULHO 2024
Tempo
32º
MIN 20º MÁX 38º

Metro do Porto desmente atraso de 700 dias na conclusão da linha Rosa

A Metro do Porto afirmou hoje ser "totalmente falso" que a empreitada da linha Rosa, que ligará São Bento à Casa da Música, esteja com um atraso de 700 dias, como adiantado pelo grupo de trabalho da Assembleia Municipal.

Metro do Porto desmente atraso de 700 dias na conclusão da linha Rosa
Notícias ao Minuto

15:42 - 18/06/24 por Lusa

Economia Metro do Porto

Na segunda-feira, o grupo de trabalho da Assembleia Municipal do Porto que acompanha os investimentos no transporte público afirmou que duas frentes de obra da linha Rosa somavam, a 30 de abril, 700 dias de atraso, o equivalente a mais de dois anos.

Em comunicado, a Metro diz hoje ser "totalmente falso que exista um atraso de 700 dias na empreitada" e reafirma que a obra estará concluída até julho do próximo ano.

"A obra da linha Rosa foi consignada ao consórcio Ferrovial/ACA a 16 de março de 2021, com um prazo de execução de 42 meses, sendo que a ocupação generalizada de espaços na via pública para a realização dos trabalhos arrancou em outubro de 2021", esclarece, acrescentando que a obra terminará "alguns meses" após o prazo estipulado no contrato.

A Metro recorda ainda que a consignação da obra decorreu enquanto o país estava em situação de calamidade devido à pandemia da covid-19, tendo o estado de alerta sido prolongado até setembro de 2022. A empresa elenca também as consequências dos impactos provocados pela guerra da Ucrânia nas cadeias logísticas, aumento de custos e indisponibilidade de matérias-primas e equipamentos.

Em conferência de imprensa, o grupo de trabalho da Assembleia Municipal do Porto partilhou as suas preocupações com "o deslizar de prazos" de conclusão das obras do metro e a falta de informação partilhada com os munícipes.

No início de maio, a Metro do Porto concluiu, debaixo da Rua dos Clérigos, a escavação do primeiro túnel da futura Linha Rosa, estando prevista a conclusão dos restantes dois túneis este ano e a operação da linha em julho de 2025.

A Linha Rosa ligará São Bento à Casa da Música, com ligação às atuais estações de metro, e terá estações intermédias no Hospital de Santo António e Praça da Galiza.

Os custos totais da Linha Rosa ascendem aos 304,7 milhões de euros, após em julho do ano passado, o valor total das obras de expansão da linha Amarela e da linha Rosa subiu cerca de 20 milhões de euros para 511 milhões, segundo uma resolução do Conselho de Ministros.

Atualmente, a Metro do Porto conta com seis linhas em operação, aguardando-se a inauguração da extensão da Linha Amarela (D) entre Santo Ovídio e Vila d'Este (Vila Nova de Gaia), e a conclusão das obras da Linha Rosa (G), entre São Bento e Casa da Música (Porto) e da linha de 'metrobus' entre Casa da Música e Praça do Império.

Leia Também: Metrobus. Grupo de trabalho preocupado com "deslizar de prazos" de obras

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório