Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 27º

BCE admite "períodos" de taxas inalteradas após corte em 25 pontos

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, admitiu que pode haver períodos em que o organismo mantenha as taxas de juro inalterados depois de as ter baixado em 25 pontos base na passada quinta-feira.

BCE admite "períodos" de taxas inalteradas após corte em 25 pontos
Notícias ao Minuto

20:04 - 10/06/24 por Lusa

Economia Christine Lagarde

"Tomámos a decisão certa, mas isso não significa que as taxas de juro vão prosseguir uma trajetória linear descendente. Poderá haver períodos em que vamos mantê-las", afirmou a presidente do BCE numa entrevista ao Expansión, Handelsblatt, Il Sole 24 Ore e Les Echos.

A responsável máxima do BCE manteve o discurso próximo do que referiu na quinta-feira, após o anúncio da redução das taxas, quando garantiu que o organismo não está comprometido com uma trajetória específica e que está dependente de dados para novas descidas das taxas diretoras.

Christine Lagarde considerou ainda provável que os períodos de manutenção das taxas se prolonguem para além de uma reunião.

Tal como referiu na quinta-feira, quando o BCE baixou pela primeira vez em oito anos as taxas de juro, Lagarde referiu que o banco central manterá a via da política restritiva "durante o tempo necessário para trazer a inflação para o patamar dos 2%".

Christine Lagarde disse também que a taxa de juro natural será provavelmente mais elevada agora do que foi antes da pandemia - embora se esteja muito longe disso -- ainda que considere que é muito prematuro falar sobre isso.

Relativamente ao crescimento da economia, considerou que este vai reforçar-se, ao mesmo tempo que apelou a todos os Estados-membros da União Europeia para que cumpram com as regras orçamentais, independentemente do seu tamanho.

Leia Também: Lagarde diz que BCE não está comprometido com trajetória específica

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório