Meteorologia

  • 15 JULHO 2024
Tempo
26º
MIN 18º MÁX 26º

Remessas dos portugueses em Angola subiram 13,1% no primeiro trimestre

As remessas dos trabalhadores portugueses em Angola subiram 13,1% no primeiro trimestre deste ano, passando de 71,3 milhões de euros no período homólogo do ano passado para 80,6 milhões, segundo dados do Banco de Portugal.

Remessas dos portugueses em Angola subiram 13,1% no primeiro trimestre
Notícias ao Minuto

10:50 - 21/05/24 por Lusa

Economia Banco de Portugal

De acordo com a mesma fonte, os trabalhadores portugueses em Angola enviaram 71,3 milhões de euros de janeiro a março de 2023, aumentando esse valor para 80,6 milhões nos primeiros três meses deste ano, motivando uma subida de 13,1% nas remessas recebidas por Portugal.

Em sentido inverso, os angolanos a trabalhar em Portugal enviaram 2 milhões de euros no primeiro trimestre deste ano, o que representa uma descida de 18,2% face aos 2,4 milhões enviados nos primeiros três meses do ano passado.

Olhando apenas para março, a queda é ainda mais acentuada, já que o valor enviado para o segundo maior produtor de petróleo na África subsaariana cai de 750 mil euros para 680 mil euros, uma redução de 22,5%.

A nível global dos PALOP, os imigrantes africanos lusófonos em Portugal enviaram 11 milhões de euros nos primeiros três meses, o que representa um aumento de 1,4% face aos 10,9 milhões enviados nos primeiros três meses do ano passado.

Em sentido inverso, os portugueses a trabalhar nos PALOP enviaram 82,1 milhões de euros no primeiro trimestre deste ano, o que representa uma subida de 11,5% face aos 73,7 milhões enviados nos primeiros três meses do ano passado.

Leia Também: Dívida emitida pelas Administrações Públicas supera amortizações

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório