Meteorologia

  • 23 MAIO 2024
Tempo
24º
MIN 12º MÁX 24º

Trabalhadores da função pública aumentam 0,5% até março para 748.870

O número de trabalhadores da função pública cresceu 0,5% no primeiro trimestre, em comparação com os primeiros três meses de 2023, para 748.870, segundo dados divulgados pela Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP).

Trabalhadores da função pública aumentam 0,5% até março para 748.870
Notícias ao Minuto

19:58 - 15/05/24 por Lusa

Economia Função Pública

Em "31 de março de 2024, o emprego no setor das administrações públicas situava-se em 748.870 postos de trabalho, refletindo um aumento de 0,5% em termos homólogos e 0,4% face ao trimestre anterior", revelou a síntese estatística do emprego público.

Face ao primeiro trimestre do ano passado, contabilizaram-se, assim, mais 3.439 postos de trabalho, sobretudo, na administração local (3.291), resultado do aumento de emprego na carreira de técnico superior.

Por sua vez, a administração central teve um acréscimo de 0,1% ou de 549 postos de trabalho.

Relativamente ao trimestre anterior, o ganho foi de 0,4%, o equivalente a mais 3.280 postos de trabalho no emprego das administrações públicas devido à subida do número de trabalhadores na administração central (2.104) e na local (1.195).

Conforme detalhou o mesmo documento, para o aumento do emprego pesou, sobretudo, a carreira médica (1.163), "decorrente da contratação a termos de médicos que iniciaram o internato em estabelecimentos de prestação de cuidados de saúde, e pelas Forças Armadas, nas quais se registaram mais 649 postos de trabalho".

A DGAEP adiantou ainda que, no trimestre em análise, tiveram "particular impacto" a transição de trabalhadores dos agrupamentos de centros de saúde e outras entidades do setor público administrativo para as unidades locais de saúde, a reorganização e a criação de novas entidades na área governativa da cultura, bem como a transição de trabalhadores de entre diversas entidades.

Entre estas últimas destacam-se as direções regionais de agricultura e pescas para as comissões de coordenação e desenvolvimento regional.

Já em comparação com o último trimestre de 2011 (ano em que começaram a ser publicados os dados das estatísticas trimestrais) verificou-se um crescimento de 2,9%, o que corresponde a mais 21.169 postos de trabalho.

Leia Também: 5G. Retirar Huawei da lista de fornecedores "diminui opções"

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório