Meteorologia

  • 30 MAIO 2024
Tempo
20º
MIN 16º MÁX 30º

Valor das exportações de Cabo Verde cresce mais rápido que importações

O valor das exportações de Cabo Verde está a crescer mais depressa que a despesa do país com importações, de acordo com dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) do arquipélago.

Valor das exportações de Cabo Verde cresce mais rápido que importações
Notícias ao Minuto

15:13 - 19/04/24 por Lusa

Economia Cabo Verde

O índice de preços da importação subiu para 141,6 pontos em março de 2024, mais 7,5% que há um ano, e o índice de preços de exportação saltou de 115,7 para 135,1 pontos, no mesmo período, uma subida de 16,7%, lê-se no mais recente boletim do Índice de preços do Comércio Externo (ICE).

A tendência de aceleração comparativa do valor das exportações tem-se acentuado desde o final de 2023.

Nas importações, em março registaram-se aumentos mais expressivos de preços nos óleos animais ou vegetais, produtos das indústrias alimentares e de bebidas e também nos produtos minerais

O INE não apresenta detalhes sobre os componentes da exportação, mas o cabaz tradicional é liderado por preparados e conservas de peixes, seguindo-se, a uma distância considerável, o vestuário e calçado.

Os termos de troca (índice de exportações a dividir pelo índice de importações) fixaram-se, em março, em 95,4% (estavam em 87,2%, há um ano).

O Índice de preços do Comércio Externo (ICE) é um indicador que tem por finalidade obter informação mensal sobre a evolução dos preços das trocas comerciais entre Cabo Verde e o resto do mundo.

Os dados são obtidos pelo INE a partir de registos administrativos.

O ICE é medido em valores unitários, a partir de um valor base de 100 fixado em 2015.

Leia Também: Açores voltam a propor aumento de 5% da remuneração complementar

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório