Meteorologia

  • 31 MAIO 2024
Tempo
35º
MIN 18º MÁX 35º

Insolvências aumentaram mais de 19% no primeiro trimestre

O Porto foi o distrito que registou o maior número de insolvências – 182, o que representa um crescimento em 42% face ao período homólogo -, seguido pelo distrito de Lisboa que registou uma subida de 34% face ao primeiro trimestre do ano passado.

Insolvências aumentaram mais de 19% no primeiro trimestre
Notícias ao Minuto

10:55 - 15/04/24 por Notícias ao Minuto

Economia Empresas

O número de empresas insolventes em Portugal cresceu  19,5% no primeiro trimestre deste ano face ao período homólogo, de acordo com a análise da COSEC – Companhia de Seguro de Créditos, divulgada esta segunda-feira.

"Em termos de dimensão, foi no segmento das microempresas que se verificou o maior número de insolvências, 67% no primeiro trimestre de 2024. Por outro lado, e em termos de longevidade, foi nas empresas com uma década, ou mais, de vida que se registou o maior número de insolvências, 52% nos primeiros três meses de 2024", pode ler-se num comunicado.

O Porto foi o distrito que registou o maior número de insolvências – 182, o que representa um crescimento em 42% face ao período homólogo -, seguido pelo distrito de Lisboa que registou uma subida de 34% face ao primeiro trimestre do ano passado, ao registar 120 insolvências em 2024.

Durante este primeiro trimestre, o setor dos serviços (133 insolvências) foi o mais afetado, seguido pelo setor têxtil, que agora substituí neste lugar o setor do retalho, e o setor da construção.

"Num momento em que a economia portuguesa mostra alguns sinais de aceleração, a análise mostra que as margens das empresas continuaram ainda a sentir pressão no primeiro trimestre do ano. As projeções recentes da Allianz Trade sugerem uma inflação de 2,3% para este ano, o que é ligeiramente abaixo da média da Zona Euro, que deverá registar uma inflação de 5,6% neste ano", pode ainda ler-se. 

Leia Também: Devem-lhe dinheiro? Estes três signos vão receber pagamentos em atraso

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório