Meteorologia

  • 21 JUNHO 2024
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 24º

Atenção, recibos verdes: Há uma declaração para entregar este mês

Nesta declaração, deve indicar os rendimentos recebidos em janeiro, fevereiro e março de 2024.

Atenção, recibos verdes: Há uma declaração para entregar este mês
Notícias ao Minuto

09:15 - 08/04/24 por Notícias ao Minuto

Economia Segurança Social

Se é trabalhador independente não se esqueça que tem até ao dia 30 de abril para entregar a declaração trimestral, conforme lembra o Instituto da Segurança Social (ISS) numa nota publicada no seu site. 

"Nesta declaração, deve indicar os rendimentos recebidos em janeiro, fevereiro e março de 2024, que servem para o cálculo das contribuições dos meses de abril, maio e junho de 2024", explica o ISS, em comunicado. 

Ao submeter a declaração trimestral, refira-se, recebe uma notificação na sua Caixa de Mensagens da Segurança Social Direta com a indicação da base de incidência contributiva que lhe foi fixada para os meses seguintes e o valor da contribuição prevista.

De recordar que, mensalmente, a Segurança Social apura o valor da contribuição a pagar, sendo que "este valor pode variar em relação à contribuição prevista, uma vez que eventos inesperados, como por exemplo o impedimento para o trabalho por doença, podem influenciar o montante a pagar".

"A Segurança Social regista esse valor em conta corrente e, simultaneamente, envia uma mensagem para a sua caixa de mensagens da Segurança Social Direta, informando que foi criada uma nova obrigação contributiva", pode ler-se. 

Como consultar?

Segundo o ISS, o valor das contribuições a pagar pode ser consultado na Segurança Social Direta » Conta Corrente » Posição Atual » Valores a pagar » Contribuições Correntes, com indicação da data limite de pagamento do respetivo mês.

Também se encontra disponível, na Segurança Social Direta » Conta Corrente » Posição Atual » Valores a pagar, no separador "Contribuições em atraso​", a consulta das contribuições de meses anteriores, cuja data limite de pagamento já se encontre ultrapassada, com os respetivos juros de mora.

"Desta forma, será sempre possível selecionar os valores que pretende pagar e emitir o respetivo documento para pagamento, permitindo uma gestão mais eficiente das suas obrigações contributivas", pode ainda ler-se. 

Leia Também: Recebe subsídios ou pensões? Estas são as datas de pagamento em abril

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório