Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 27º

IRS pago por senhorios que optaram por taxa especial das rendas subiu 7%

O montante de imposto pago pelos senhorios que em 2022 optaram por pagar a taxa especial de IRS sobre as rendas em vez de as englobar ao restante rendimento aumentou quase 7%, para 698 milhões de euros.

IRS pago por senhorios que optaram por taxa especial das rendas subiu 7%
Notícias ao Minuto

17:55 - 03/04/24 por Lusa

Economia IRS

Este dado consta das estatísticas do IRS, agora disponibilizadas publicamente pela Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), que revela que a subida do imposto pago aconteceu ao mesmo tempo que diminuiu o número de senhorios que optou por pagar aquela taxa.

Em 2022 foram 266.404 os senhorios que optaram pela taxa especial sobre rendimentos prediais, quando um ano antes tinham sido 268.254, ou seja, menos 0,69%.

Já o valor do imposto pago aumentou de 618 milhões em 2021 para os já referidos 698 milhões de euros em 2022.

Os rendimentos prediais podem ser englobados a outros rendimentos (de trabalho ou pensões, por exemplo), ficando sujeito às taxas aplicáveis aos escalões do IRS, ou pagar uma taxa especial de 28% ou inferior no caso de se tratar de renda de habitação própria e permanente e com um contrato de arrendamento com um prazo superior a dois anos -- tal como constava do regime em vigor em 2022.

A explicar a subida do imposto pago está o aumento das rendas e consequentemente do valor de rendimento declarado, que passou de 2.597 milhões para 2.945 milhões de euros.

Ainda assim, a maioria dos senhorios continua a englobar as rendas, tendo sido 788.335 os que fizeram esta opção em 2022, uma subida de 1,8%. Os valores liquidados, indicam as estatísticas oficiais, ascenderam a 2.596 milhões de euros, subindo 10,80% face ao ano anterior.

Leia Também: IRS. Quase meio milhão de declarações entregues no primeiro dia do prazo

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório