Meteorologia

  • 30 MAIO 2024
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 30º

Rendas estabilizam em março em cadeia, mas sobem 33% face a 2023

Beja, Setúbal, Lisboa, Faro, Évora e Santarém foram os distritos que tiveram a maior subida dos valores de arrendamento comparado com o mesmo período de 2023.

Rendas estabilizam em março em cadeia, mas sobem 33% face a 2023
Notícias ao Minuto

14:19 - 26/03/24 por Notícias ao Minuto

Economia Rendas

O custo médio do arrendamento estabilizou em março em relação a fevereiro, mas subiu 33% face a 2023, de acordo com dados do imovirtual divulgados esta terça-feira. 

Beja, Setúbal, Lisboa, Faro, Évora e Santarém foram os distritos que tiveram a maior subida dos valores de arrendamento comparado com o mesmo período de 2023, de acordo com os dados. 

Em contrapartida, Portalegre (-28%) foi o distrito que registou a maior descida da renda média em março, comparativamente com fevereiro, descendo ambos para 380€. Segue-se o distrito de Leiria (-6%), onde a renda média se fixa, atualmente, em 850€. 

"Em relação ao valor médio dos imóveis para arrendar, verifica-se um aumento na renda média de +33%, estando 320 euros mais caro, quando comparado com o mesmo período do ano passado. Apesar de estarmos a verificar uma ligeira estabilização dos valores médios, em março houve um aumento (+4%), fixando-se agora em 1.300€, comparado com o mês passado", pode ler-se num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso. 

Leia Também: Anexação de mais territórios palestinianos "é uma clara ameaça à paz"

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório