Meteorologia

  • 13 ABRIL 2024
Tempo
27º
MIN 16º MÁX 29º

Lucro do grupo Air France-KLM sobe 28% e soma 934 ME em 2023

O grupo Air France-KLM anunciou hoje um lucro líquido de 934 milhões de euros em 2023, uma subida de 28,3% face a 2022, com o aumento do número de passageiros a impulsionar todos os indicadores financeiros.

Lucro do grupo Air France-KLM sobe 28% e soma 934 ME em 2023
Notícias ao Minuto

11:18 - 29/02/24 por Lusa

Economia Lucros

No ano passado, o volume de negócios da transportadora aérea franco-neerlandesa aumentou 14%, para o valor recorde de 30.019 milhões de euros, e o EBITDA (resultados antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) subiu 16%, para 4.208 milhões de euros.

No total, o grupo transportou 93,5 milhões de passageiros, mais 12,3% do que em 2022, registando uma taxa de ocupação de 87%, o que representa um incremento homólogo de 3,2 pontos percentuais.

Estes resultados permitiram-lhe voltar a apresentar fundos próprios positivos, de 500 milhões de euros, pela primeira vez desde 2019, o último ano antes da pandemia.

Em 2023, a margem operacional do grupo Air France/KLM foi de 5,7%, um aumento de 1,2 pontos percentuais, beneficiando de uma combinação entre a maior rentabilidade e a ocupação mais elevada das aeronaves.

A dívida líquida recuou para 5.041 milhões de euros, uma redução de 20% em relação aos 6.337 milhões de euros do final de 2022.

No quarto trimestre do ano passado, as receitas do grupo de aviação aumentaram 6,7%, mas o lucro operacional caiu 190 milhões de euros, para -56 milhões de euros, devido à situação geopolítica no Médio Oriente e em África, que foi parcialmente compensada pela redução dos preços dos combustíveis.

De acordo com a empresa, este impacto também se fará sentir nos resultados do primeiro trimestre deste ano, uma vez que a Air France só retomou os voos para Telavive em 24 de janeiro.

O grupo, que também inclui a companhia aérea de baixo custo Transavia, registou um declínio na sua atividade de carga, com menos 6,1% de carga carregada.

"Em 2023, cumprimos os nossos compromissos e obtivemos resultados operacionais e financeiros sólidos", declarou o presidente executivo da companhia, Benjamin Smith, citado num comunicado.

Leia Também: Lucros da Endesa recuam 71% (para 742 milhões) em 2023

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório