Meteorologia

  • 20 ABRIL 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 23º

Em que região do país mora? Saiba onde é mais caro ir ao supermercado

Saiba onde é que o cesto de compras é mais caro.

Em que região do país mora? Saiba onde é mais caro ir ao supermercado
Notícias ao Minuto

12:33 - 27/02/24 por Notícias ao Minuto

Economia supermercado

Se mora em Lisboa, saiba que é nessa região do país que é mais caro encher o carrinho de compras, onde os preços são cerca de 22% mais altos em comparação com o Grande Porto, onde foram encontrados os preços mais baixos, segundo um estudo da plataforma de comparação de preços de supermercados Kabaz.pt.

"Dentro da mesma cadeia de supermercados, identificámos preços significativamente diferentes em zonas do país distintas. Estas disparidades de preços entre regiões podem ser atribuídas a diversos fatores, desde custos logísticos até à própria dinâmica de mercado em cada zona", explica Pedro Pimenta, Head of Business do Kabaz.pt, citado num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

Em comparação com os supermercados da zona Centro, os preços na Grande Lisboa são cerca de 8% mais caros e aproximadamente 10% mais elevados do que nos supermercados do Sul do país.

Um exemplo? O "preço do Fiambre Nobre da Perna Extra 100g, que no Grande Porto era comercializado por 1,00€, enquanto noutras superfícies da mesma cadeia, localizadas na Grande Lisboa, no centro e no sul do país, era vendido por 1,39€, um preço 39% mais alto".

"Também uma caixa de cereais Kellogg’s All Bran 500g custava 3,34€ no Grande Porto, enquanto nas regiões mais a sul era vendida por 4,79€ (+43%)", pode ler-se no mesmo comunicado. 

E mais: "Neste mesmo dia, outro produto, chá de cidreira e mel em saquetas, da Lipton, era vendido por 3,24€ em Lisboa, mais 1,15€ do que nos supermercados do resto do país, o que equivale a uma diferença de 55%".

"É importante destacar que esta discrepância pode impactar significativamente o orçamento das famílias, especialmente aquelas que residem em áreas onde os preços são mais elevados. É fundamental que exista transparência na informação de preços para que os consumidores possam fazer escolhas conscientes”, alerta Pedro Pimenta.

A análise da plataforma foi realizada aos preços praticados no dia 19 de fevereiro em "centenas de preços de produtos de diversas categorias em supermercados das redes Continente, Pingo Doce e Auchan".

Leia Também: Seis alimentos que ajudam a controlar o açúcar no sangue

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório