Meteorologia

  • 18 ABRIL 2024
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 26º

Compras online? Sites dominam, mas aplicações ganham terreno

O número de consumidores online que diz fazer as suas compras apenas através de aplicações online cresceu para 8%.

Compras online? Sites dominam, mas aplicações ganham terreno
Notícias ao Minuto

10:35 - 22/02/24 por Notícias ao Minuto

Economia compras online

As compras online continuam a crescer e os sites dominam, mas as aplicações móveis das marcas também estão a ganhar terreno, de acordo com um estudo da Marktest, divulgado esta quinta-feira. 

"A compra exclusiva através dos sites das lojas e marcas continua a ser dominante entre o universo de 62% da população portuguesa que diz fazer habitualmente compras online. Mas está a perder terreno para o hábito de compra através de aplicações móveis", pode ler-se num comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso. 

Em 2023, mais de 52% dos compradores online assumiram fazer as suas compras apenas através de sites, o que traduz uma quebra de 3.3 pontos percentuais face aos valores de 2022 do Barómetro E-commerce.  

Por outro lado, o número de consumidores online que diz fazer as suas compras apenas através de aplicações online cresceu para 8%, o que traduz um acréscimo de 1.7 p.p. face ao ano anterior. E o universo de compradores que diz usar ambas os canais para as suas compras também aumentou 1.5 p.p., para um universo de 38,9% dos consumidores.

Os dados revela ainda que o número de portugueses que faz compras online aumentou de forma sustentada ao longo da última década e aproximou-se já dos dois terços da população.

"Esta é uma tendência que deverá manter-se no futuro próximo – tendo em conta a crescente digitalização da sociedade e da economia – e que está a ser acompanhada por uma diversificação dos ‘canais digitais’ através dos quais as compras estão a ser efetivadas no espaço digital", pode ainda ler-se. 

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório