Meteorologia

  • 18 ABRIL 2024
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 25º

Lucro da Danone cai 8,1% para 959 milhões em 2023

A Danone teve um lucro de 959 milhões de euros em 2023, menos 8,1% em termos homólogos, devido à depreciação dos seus ativos na Rússia, que foram transferidos e abandonados, anunciou hoje o grupo de laticínios e águas francês.

Lucro da Danone cai 8,1% para 959 milhões em 2023
Notícias ao Minuto

09:59 - 22/02/24 por Lusa

Economia Danone

O grupo empresarial explicou ainda no comunicado distribuído, que o resultado foi influenciado em 2023 pelo pagamento de 1.438 milhões de euros devido aos custos de exploração e às rubricas extraordinárias, que incluíam, nomeadamente, "a desconsolidação da sua filial russa EDP", que representava cerca de 5% da sua faturação global.

Além disso, a empresa teve de contabilizar no seu balanço uma queda no valor de venda do seu negócio de produtos lácteos biológicos nos Estados Unidos.

No caso de serem excluídas as rubricas extraordinárias, o resultado de exploração corrente aumentou 3,1% em 2023, para 3.377 milhões de euros, enquanto a margem de exploração corrente subiu 0,4 pontos percentuais, para 12,6%, adianta.

O volume de negócios bruto, por sua vez, caiu 0,2% em 2023, para 27.661 milhões de euros, embora numa base comparável tenha registado um acréscimo de 7%.

Esta diferença deve-se tanto ao impacto negativo da evolução das taxas de câmbio como ao efeito negativo da evolução do perímetro de consolidação da empresa, esclarece a Danone em comunicado.

Em contrapartida, os preços dos produtos da Danone aumentaram 7,4% em 2023, face ao ano anterior.

No que diz respeito às previsões para 2024, a Danone espera aumentar o seu volume de negócios entre 3% e 5%, segundo dados comparáveis e melhorar "moderadamente" a margem operacional.

Leia Também: Guerra estreitou laços, mas China e Rússia têm posturas globais opostas

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório