Meteorologia

  • 03 MARçO 2024
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 16º

"Estou sozinha, não sou um monstro". Ex-CEO da TAP denuncia "chantagem"

Christine Ourmiéres-Widener promete falar sobre o que fez na TAP e revela que "não está a fugir de nada". 

"Estou sozinha, não sou um monstro". Ex-CEO da TAP denuncia "chantagem"
Notícias ao Minuto

10:30 - 12/02/24 por Notícias ao Minuto

Economia Christine Ourmières-Widener

Christine Ourmiéres-Widener, a antiga CEO da TAP que processou a companhia aérea no seguimento do seu despedimento, quebrou o silêncio e diz ter sido vítima de "chantagem", adiantando que "não está a fugir de nada", nem das "eleições". 

Numa entrevista à CNN Portugal, que será transmitida esta segunda-feira à noite, Christine Ourmiéres-Widener revelou que está sozinha e defende-se das acusações: 

"Estou sozinha, não sou um monstro. Sou uma mulher de negócios. Estou aqui para falar do que fiz. Aquilo foi chantagem", disse Ourmiéres-Widener. 

De todo este processo, a antiga CEO da TAP revela ainda ter retirado uma lição: "Nunca mais trabalhar para uma companhia aérea do Estado".

De recordar que Christine Ourmières-Widener reclama 5,9 milhões de euros à TAP. O Governo anunciou, a 6 de março, que a Inspeção-Geral de Finanças (IGF) tinha concluído que o acordo celebrado para a saída antecipada de Alexandra Reis da TAP era nulo e que ia pedir a restituição dos valores.

Christine Ourmières-Widener foi exonerada por justa causa, em abril de 2023, no seguimento da polémica indemnização de meio milhão de euros a Alexandra Reis, que levou à demissão de Pedro Nuno Santos e Hugo Mendes e à constituição de uma comissão parlamentar de inquérito à gestão da companhia aérea.

Leia Também: Privatização da TAP? Nenhuma referência no programa eleitoral do PS

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório