Meteorologia

  • 15 ABRIL 2024
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 24º

Notas de euros falsas retiradas de circulação aumentam 24% em 2023

O Banco Central Europeu (BCE) afirma terem sido retiradas de circulação 467.000 notas de euros falsas em 2023, mais 24,2% do que em 2022, apesar de ser dos níveis históricos mais baixos atendendo ao total em circulação.

Notas de euros falsas retiradas de circulação aumentam 24% em 2023
Notícias ao Minuto

12:13 - 29/01/24 por Lusa

Economia BCE

Frankfurt, 29 jan 2024 (Lusa) - O Banco Central Europeu (BCE) afirma terem sido retiradas de circulação 467.000 notas de euros falsas em 2023, mais 24,2% do que em 2022, apesar de ser dos níveis históricos mais baixos atendendo ao total em circulação.

De acordo com dados hoje publicados pelo BCE, foram detetadas 16 contrafações por cada milhão de notas verdadeiras em circulação em 2023.

O BCE explicou também que as contrafações permaneceram abaixo dos níveis de 2019, apesar de terem aumentado em 2023 face a 2022, um ano em que o número de notas falsas em circulação foi excecionalmente baixo após a pandemia de covid-19.

Em 2023, as notas de 20 e 50 euros continuaram a ser as mais contrafeitas, representando, em conjunto, mais de 70% das contrafações.

Especificamente, 38,5% das notas detetadas em 2023 eram notas de 50 euros e 34% eram notas de 20 euros, seguidas das notas de 100 euros (11,7%) e das notas de 10 euros (8,4%).

As notas de 200 euros representavam 4,5% do total, enquanto as de cinco euros e de 500 correspondiam ao restante do total.

Além disso, o BCE afirma que 97,2% das contrafações foram detetadas em países da zona euro, enquanto 1,9% foram detetadas em Estados-membros da União Europeia (UE) não pertencentes à área do euro e 0,9% noutras partes do mundo.

Leia Também: Adeus aos motores de combustão pode ser adiado, diz diretor da Porsche

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório