Meteorologia

  • 15 ABRIL 2024
Tempo
13º
MIN 13º MÁX 24º

Cotação do Brent para entrega em março sobe 1,13% para 78,29 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em março terminou hoje no mercado de futuros de Londres em alta de 1,13%, para os 78,29 dólares.

Cotação do Brent para entrega em março sobe 1,13% para 78,29 dólares
Notícias ao Minuto

22:10 - 12/01/24 por Lusa

Economia Brent

O crude do Mar do Norte, de referência na Europa, concluiu a sessão no International Exchange Futures a cotar 88 cêntimos acima dos 77,41 dólares com que fechou as transações na quinta-feira.

A subida de hoje foi atribuída aos ataques das forças dos EUA e Reino Unido a posições dos rebeldes iemenitas houthis, em represália pelos ataques feitos por estes a navios comerciais que cruzam o Mar Vermelho.

O crude chegou a estar acima dos 80 dólares durante a sessão de hoje, o que aconteceu epla primeira vez este ano.

Muitas empresas do transporte marítimo optaram nas últimas semanas por não usar esta rota, devido aos ataques dos rebeldes.

Aquelas empresas optaram por usar a rota mais longa que passa pelo sul de África, que tem custos adicionais e requer mais dez dias de navegação.

Os peritos entendem que os atrasos no comércio podem gerar uma subida do preço do petróleo, no momento em que vários Estados europeus se confrontam com uma inflação elevada.

A esta perspetiva soma-se a inquietação com a possibilidade de o conflito entre Israel e o Hamas se estender na região do Médio Oriente.

O risco deste alargamento faz recear pelos impactos nos fornecimentos de petróleo, em particular depois de o Irão ter afirmado que se apoderou de um petroleiro norte-americano nas proximidades do Estreito de Ormuz.

Leia Também: Guerra no Mar Vermelho. Brent continua a subir e atinge 80 dólares

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório