Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2024
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 14º

PRR: Concluídos três acordos de investimento no valor de 15,4 milhões

O Banco Português de Fomento (BPF) anunciou hoje a conclusão de três acordos de investimento nas empresas Valérius, LBM Carpintarias e Bettery, no valor de 15,4 milhões de euros, ao abrigo do Fundo de Capitalização e Resiliência.

PRR: Concluídos três acordos de investimento no valor de 15,4 milhões
Notícias ao Minuto

14:09 - 06/12/23 por Lusa

Economia BPF

Estão "concluídos mais três acordos de investimento, no âmbito da Janela A do Programa de Recapitalização Estratégica, num montante total de 15,4 milhões de euros, para investimento nas empresas Valérius -- Têxteis, LBM Carpintarias e Bettery", anunciou, em comunicado, o BPF.

O fundo em causa está inserido no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Do investimento total, 10,78 milhões de euros correspondem a financiamento do Fundo de Capitalização e Resiliência (FdCR) e 4,62 milhões de euros correspondem a investimento privado.

Por projeto, a operação de investimento no Valérius 360º soma 9,9 milhões de euros, sendo que 6,93 milhões de euros são investidos pelo FdCR e o restante pela empresa Rúbrikexpansiva, que está situada em Barcelos.

Seguindo a mesma nota, "a estratégia de investimento prevê a subscrição de obrigações convertíveis em ações preferenciais com direito a voto, com uma maturidade de oito anos".

A Valérius dedica-se à produção e venda de vestuário e o seu projeto foca-se na economia circular, utilizando resíduos têxteis para a produção de novos produtos.

Por sua vez, o valor da operação na LBM Carpintarias é de 3,5 milhões de euros, 2,45 milhões de euros dos quais investidos pelo FdCR e o restante pela Flexdeal.

A estratégia prevê a entrada no capital da empresa e a subscrição de obrigações "não obrigatoriamente convertíveis em capital, com uma maturidade de sete anos".

Com este investimento, a empresa pretende consolidar a sua presença no mercado nacional e expandir a sua atividade, através de feiras internacionais.

Já a operação de investimento na Bettery contabiliza dois milhões de euros, em parceria com a Flagrantopportunity, que pertence à Flexdeal.

O FdCR vai financiar 1,4 milhões de euros e a restante parte fica a cargo do coinvestidor.

"A estratégia de investimento inclui a participação no capital da empresa e a subscrição de obrigações não obrigatoriamente convertíveis em capital, com uma maturidade de oito anos", detalhou.

Com este investimento, a Bettery, 'startup' (empresa com rápido potencial de crescimento económico) portuguesa de biotecnologia, quer desenvolver "produtos nutricionais avançados".

O BPF aprovou, ao abrigo do Programa de Recapitalização Estratégica, 16 operações de investimento, no valor de 99,3 milhões de euros, o que corresponde a cerca de metade da dotação deste programa (200 milhões de euros).

As operações de investimento contratualizadas ascendem a mais de 78,7 milhões de euros, distribuídos por 12 empresas.

"Os investimentos que realizamos são um claro indicativo do nosso compromisso em impulsionar o crescimento sustentável e a competitividade das empresas portuguesas [...]. O nosso objetivo é assegurar que um número maior de empresas viáveis tenha condições necessárias para crescer e competir num cenário económico global cada vez mais desafiador", assinalou, na mesma nota, a presidente executiva do BPF, Ana Carvalho.

O BPF dedica-se a apoiar o desenvolvimento económico e social do país.

Leia Também: ONU adverte para risco de uso indevido de IA em ano de muitas eleições

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório