Meteorologia

  • 26 FEVEREIRO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 14º

Bolsas europeias mistas em sessão com escassas referências macroeconómicas

As principais bolsas europeias estavam hoje mistas, num dia com poucas referências macroeconómicas.

Bolsas europeias mistas em sessão com escassas referências macroeconómicas
Notícias ao Minuto

10:25 - 04/12/23 por Lusa

Economia Bolsas

Às 08:55 em Lisboa, o EuroStoxx 600 estava a subir 0,12% para 466,75 pontos.

As bolsas de Londres e Paris baixavam 0,15% e 0,01%, enquanto, em sentido contrário, as bolsas de Frankfurt, Madrid e Milão se valorizavam 0,22%, 0,46% e 0,09%.

Depois de abrir a subir, a Bolsa de Lisboa mantinha a tendência, estando às 08:55 o principal índice, o PSI, a ganhar 0,67% para 6.570,83 pontos.

Num dia com poucas referências macroeconómicas, à exceção do desemprego em Espanha e do índice de confiança dos investidores da zona euro, os principais mercados da Europa abriram com uma tendência negativa, tal como na Ásia.

A bolsa de Wall Street registou uma série de cinco semanas de ganhos nos seus três principais índices, depois de ter terminado na sexta-feira a verde, impulsionada pela perspetiva de que a Reserva Federal dos EUA (Fed) está a aproximar-se do fim do seu ciclo de subida das taxas de juro.

O Dow Jones terminou a subir 0,82% para 36.245,50 pontos, contra o máximo desde que foi criado em 1896, de 36.799,65 pontos, registado em 04 de janeiro de 2022.

O Nasdaq fechou também em alta, a avançar 0,55% para 14.305,03 pontos, contra o atual máximo, de 16.057,44 pontos, verificado em 16 de novembro de 2021.

O mercado também está a especular sobre possíveis cortes nas taxas no próximo ano, embora na sexta-feira passada o presidente da Fed, Jerome Powell, tenha dito que é prematuro concluir que a política monetária está suficientemente apertada, acrescentando que a Fed está preparada para novas subidas das taxas, se necessário.

Apesar disso, os rendimentos das obrigações caíram acentuadamente na sexta-feira, uma tendência que continua hoje.

A esta hora, o rendimento das obrigações a dez anos da Alemanha desce para 2,356%.

O ouro, por seu lado, atingiu esta manhã novos máximos históricos, ao disparar até 2.135,39 dólares, embora a esta hora esteja a descer 0,51% para 2.061 dólares.

A bitcoin está a subir 4,47% para 41.505 dólares, ultrapassando 41.000 dólares pela primeira vez desde abril de 2022.

O barril de petróleo Brent para entrega em fevereiro de 2024 abriu hoje em baixa, a 78,11 dólares, contra 78,88 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres na sexta-feira.

A nível cambial, o euro abriu a desvalorizar-se no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,0868 dólares, contra 1,0884 dólares na sexta-feira e 1,0462 dólares em 03 de outubro, um mínimo desde dezembro de 2022.

Leia Também: Bolsas em alta em antecipação a declarações do presidente da Fed

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório