Meteorologia

  • 02 MARçO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

Setor social. "Pela 1.ª vez ultrapassámos 2 mil milhões de euros no OE"

A Ministra do Trabalho e Solidariedade Social, Ana Mendes Godinho, sublinhou hoje a prioridade dada pelo Governo ao setor social, que em 2024 terá, pela primeira vez, um orçamento superior a dois mil milhões de euros.

Setor social. "Pela 1.ª vez ultrapassámos 2 mil milhões de euros no OE"
Notícias ao Minuto

13:09 - 30/11/23 por Dina Aleixo

Economia Ana Mendes Godinho

"Pela primeira vez ultrapassámos os dois mil milhões de euros dedicados ao orçamento para o setor social no Orçamento do Estado (OE) para 2024", afirmou Ana Mendes Godinho, contabilizando uma subida de 600 milhões de euros relativamente ao orçamento do setor em 2015.

A subida significa, segundo a governante "um forte investimento que o Governo tem assumido como prioritário do ponto de vista de respostas sociais, seja no alargamento da capacidade das creches, seja no alargamento das respostas às pessoas mais velhas, seja também nas respostas à inclusão das pessoas com deficiência".

Ana Mendes Godinho falava à agência Lusa à margem da inauguração da Estrutura Residencial para Pessoas Idosas (ERPI do Centro Social do Nadadouro, no concelho das Caldas da Rainha, no distrito de Leiria.

Com capacidade para 30 novos lugares, esta nova resposta social representou um investimento superior a 1,5 milhões de euros, com financiamento de perto de meio milhão de euros do programa PARES e uma comparticipação da Câmara das Caldas da Rainha no valor de 428 mil euros.

A obra é um dos "800 projetos em curso no país, num investimento de 800 mil euros, entre verbas do PARES e do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR)", afirmou Ana Mendes Godinho, admitindo que "o objetivo é que todos eles estejam a concluídos até 2026", visando "aumentar a capacidade de resposta nas várias dimensões".

No discurso inaugural da nova estrutura residencial, a ministra explicou que este projeto é um dos 150 apoiados no distrito de Leiria na sequência do alargamento das verbas do PARES, programa a que foram apresentadas mil candidaturas.

Na cerimónia, Ana Mendes Godinho anunciou que nos próximos dias deverá "ser aberto um aviso para mais 12 mil lugares de creche", no âmbito do PRR, para "novos lugares de Serviço de Apoio Domiciliário e um aviso para adaptação das casas das pessoas".

A ministra participa também hoje na inauguração da Creche do Centro Infantil Santa Maria de Leuca, em Fátima, que através de financiamento PRR procedeu ao seu alargamento com mais 32 lugares.

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório