Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2023
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 19º

Bruxelas prevê crescimento moderado na UE no âmbito do Semestre Europeu

A Comissão Europeia lançou hoje o ciclo de coordenação das políticas económicas do Semestre Europeu de 2024, prevendo um aumento moderado do crescimento económico na União Europeia (UE).

Bruxelas prevê crescimento moderado na UE no âmbito do Semestre Europeu
Notícias ao Minuto

14:51 - 21/11/23 por Lusa

Economia Semestre Europeu

O pacote de outono, hoje adotado, baseia-se nas previsões económicas do outono de 2023, que mostraram que a economia da UE "continua a ser resiliente face aos múltiplos choques sofridos nos últimos anos, mas que perdeu a dinâmica de crescimento em 2023 num contexto de inflação elevada e de condições de financiamento mais condições de financiamento mais restritivas, prevendo-se apenas um aumento moderado do crescimento em 2024".

Além disso, destaca ainda a Comissão, a cláusula de salvaguarda geral do Pacto de Estabilidade e Crescimento deverá ser desativada em 2024, o que a política orçamental deverá apoiar a política monetária na redução da inflação e na salvaguarda da sustentabilidade orçamental, proporcionando espaço suficiente para investimentos adicionais e apoiando o crescimento a longo prazo.

Bruxelas destaca ainda que a UE "está a enfrentar uma série de desafios estruturais importantes, incluindo o baixo crescimento da produtividade, as transições ecológica e digital, o envelhecimento e a inclusão social, que têm de ser enfrentados para se manter na via da competitividade sustentável.

O executivo comunitária adianta ainda que "os acontecimentos geopolíticos perturbadores demonstraram igualmente a necessidade de a UE se manter competitiva num mercado global".

Para a zona euro, o executivo comunitário recomenda que os 20 Estados-membros adotem políticas orçamentais prudentes coordenadas e reduzam as medidas de apoio à energia, com o objetivo de reforçar a sustentabilidade das finanças públicas e evitar alimentar as pressões inflacionistas.

Os países da área do euro terão ainda de assegurar níveis elevados e sustentados de investimento público e promover o investimento privado, através da aceleração da execução dos programas do Mecanismo de Recuperação e Resiliência e e dos programas da política de coesão, bem como apoiar uma evolução salarial que atenue a perda de poder de compra dos trabalhadores, tendo em tendo em conta a dinâmica da competitividade.

À zona euro pede-se ainda a monitorização dos riscos relacionados com o agravamento das condições financeiras, enquanto se conclui a União Bancária, bem como a melhoria do acesso a financiamento.

Para Bruxelas, mantêm-se as quatro prioridades do Semestre Europeu: promover a sustentabilidade ambiental, a produtividade, a equidade e a estabilidade macroeconómica, com vista a fomentar a sustentabilidade competitiva.

O Semestre Europeu, instituído em 2011, consiste num ciclo anual de coordenação das políticas económicas da União Europeia (UE) que visa proceder ao alinhamento das políticas orçamentais e económicas dos diferentes Estados-membros com as regras e objetivos fixados a nível da UE, com o intuito de garantir a sustentabilidade das finanças públicas, prevenir desequilíbrios macroeconómicos excessivos, fomentar o crescimento económico e assegurar a convergência e a estabilidade na UE.

Neste âmbito, são ainda supervisionados os esforços dos Estados-membros para alcançar os objetivos de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas.

Leia Também: É este o próximo convidado entrevistado de Goucha no programa 'Conta-me'

Todas as Notícias. Ao Minuto.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório