Meteorologia

  • 16 ABRIL 2024
Tempo
26º
MIN 13º MÁX 26º

Procura emprego? Candidaturas às mil vagas no Estado acabam na 2.ª-feira

Interessados podem "concorrer a vários postos de trabalho em diferentes órgãos e serviços através de uma única candidatura".

Procura emprego? Candidaturas às mil vagas no Estado acabam na 2.ª-feira
Notícias ao Minuto

08:12 - 03/11/23 por Notícias ao Minuto

Economia Emprego

Terminam na segunda-feira, dia 6 de novembro, as candidaturas às vagas de emprego no Estado, no âmbito do processo de recrutamento de mil técnicos superiores, lembrou o Executivo, esta sexta-feira. 

"Bolsa de recrutamento na Administração Pública permite aos interessados concorrer a vários postos de trabalho em diferentes órgãos e serviços através de uma única candidatura", diz o Governo, numa publicação partilhada na rede social Instagram. 

Vale lembrar que "todo o processo é feito através do portal do Emprego Público". 

Em causa está um "procedimento concursal centralizado que visa a contratação futura de 1.000 novos técnicos superiores para suprir as necessidades dos serviços da Administração Pública", podia ler-se num comunicado do Ministério emitido na altura em que arrancou o processo. 

Segundo a mesma nota, o recrutamento centralizado terá periodicidade anual, "de acordo com as necessidades sinalizadas pelos serviços, procurando atrair recursos humanos qualificados e revitalizar o corpo técnico da Administração Pública".

Vale recordar que o concurso para contratação de 1.000 técnicos superiores para a administração pública foi lançado há precisamente duas semanas e em nove horas houve 7.493 registos e 4.683 candidaturas, disse fonte oficial do Ministério da Presidência ao Notícias ao Minuto.

Leia Também: Mais de quatro mil já se candidataram às (mil) vagas de emprego no Estado

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório