Meteorologia

  • 22 JUNHO 2024
Tempo
23º
MIN 14º MÁX 27º

Mais de 80% dos passageiros dizem não ser informados dos seus direitos

Estudo revela que 82% dos passageiros aéreos considera não ser informado dos seus direitos pelas companhias de aviação.

Mais de 80% dos passageiros dizem não ser informados dos seus direitos
Notícias ao Minuto

15:15 - 18/09/23 por Notícias ao Minuto com Lusa

Economia AirHelp

A AirHelp, organização que defende os direitos dos passageiros em caso de atrasos, cancelamentos ou recusas de embarque, anunciou esta segunda-feira que 82% dos passageiros aéreos considera não ser informado dos seus direitos pelas companhias de aviação.

De acordo com o Regulamento Comissão Europeia (CE) 261/2004, que regula os voos de partida ou chegada na União Europeia, "as companhias aéreas são obrigadas a informar os passageiros dos seus direitos e a pagar-lhes uma indemnização até 600 euros por viagem, e por pessoa, sempre que o atraso seja superior a três horas e causado pela companhia aérea".

A organização refere ainda que uma "interrupção significativa" do voo custa aos passageiros, em média, mais de 360 euros.

Leia Também: Tripulantes não estão surpreendidos com processo de ex-CEO contra TAP

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório