Meteorologia

  • 21 JULHO 2024
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 26º

Lucro da Xiaomi mais do que duplica no segundo trimestre para 650 milhões

O lucro da Xiaomi mais do que duplicou no segundo trimestre de 2023, para 650 milhões de euros (5,1 mil milhões de yuan), alcançando 1,1 mil milhões de euros no semestre, um valor semelhante ao do ano passado.

Lucro da Xiaomi mais do que duplica no segundo trimestre para 650 milhões
Notícias ao Minuto

15:37 - 30/08/23 por Lusa

Economia Resultados

Num comunicado, a empresa chinesa destacou que no segundo trimestre deste ano, a sua receita total atingiu 8,4 mil milhões de euros, representando "um crescimento trimestral de 13,2%".

Por outro lado, o lucro líquido ajustado da Xiaomi atingiu cerca de 550 milhões de euros "um crescimento homólogo de 147%", sendo que, destacou, "este é o maior lucro trimestral desde o quarto trimestre de 2021".

Já no primeiro semestre de 2023, o lucro líquido ajustado da Xiaomi alcançou cerca de 1,1 mil milhões de euros, "aproximando-se do nível do lucro líquido ajustado do ano passado".

Citando dados da consultora Canalys, a Xiaomi disse que a sua quota global de 'smartphones' aumentou 1,6 pontos percentuais para 12,9% em relação ao último trimestre, "com um total de 32,9 milhões de unidades de 'smartphones' enviadas a nível global", assegurou.

"No segundo trimestre de 2023, a receita de smartphones alcançou 4,6 mil milhões de euros", destacou o grupo, indicando que isso representou "um aumento de 4,6% face ao trimestre anterior".

Por sua vez, "a receita da Xiaomi proveniente dos produtos de IoT [Internet das Coisas, em inglês] e 'lifestyle' foi de 2,8 mil milhões de euros" um aumento homólogo de 12,3%. 

O grupo detalhou ainda que, no segundo trimestre, a sua receita de Internet foi superior a 930 milhões de euros, aumentando 6,8% em termos homólogos e a receita de publicidade foi de 640 milhões de euros, crescendo 13%.

ALN // EA

Lusa/Fim

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório