Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
20º
MIN 15º MÁX 27º

Lançado concurso de 6,8 milhões para remodelar ETAR da Ericeira

A Águas do Tejo Atlântico lançou um concurso de 6,8 milhões de euros (ME) para remodelar a Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da Ericeira, no concelho de Mafra, com vista a aumentar a capacidade de tratamento.

Lançado concurso de 6,8 milhões para remodelar ETAR da Ericeira
Notícias ao Minuto

11:55 - 22/08/23 por Lusa

Economia Ericeira

"Ao fim de 20 anos de atividade e cumprido o seu ciclo de vida, muito devido à sua exposição à proximidade do mar e à presença de gás sulfídrico presente nas águas residuais, a instalação necessita de uma grande intervenção nos órgãos, equipamentos e edifícios", explicou a empresa à agência Lusa.

O objetivo é efetuar uma "remodelação profunda da instalação ao nível das etapas de tratamento existentes e também dos edifícios operacionais".

Vão ser feitas diversas obras de construção civil, nos equipamentos e nas instalações elétricas, "para uma adequada operacionalidade e segurança da instalação, conferindo fiabilidade aos equipamentos e operações unitárias".

A empreitada integra intervenções já executadas anteriormente para construir um terceiro canal que dê à ETAR maior capacidade para acomodar afluências associadas a chuvadas, bem como a eventuais picos anómalos de caudal em época alta.

Com a obra, a Águas do Tejo Atlântico tem como objetivos aumentar a capacidade de tratamento desta 'fábrica da água' do distrito de Lisboa para tratar águas residuais de 30 mil habitantes, ou seja, "tratar os caudais atuais e futuros afluentes, em época baixa e em época alta, tendo em conta a sazonalidade da região em que insere".

As etapas de tratamento vão ser redimensionadas tendo em conta a população a servir, com tecnologias que pretendem maximizar a eficiência, minimizar os custos operacionais e tornar a operação da instalação o mais automática possível.

Com as obras, a água da ETAR vai ser reaproveitada para usos internos.

A intervenção abrange ainda a construção de um parque solar fotovoltaico para autoconsumo na estação, aumentando a eficiência energética da instalação.

A empreitada vai decorrer durante dois anos e nove meses depois de consignada.

Leia Também: AMN apoiou realização de procissões religiosas. "Eventos sem incidentes"

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório