Meteorologia

  • 19 JULHO 2024
Tempo
30º
MIN 19º MÁX 31º

Governo disponibiliza apoio a agricultores afetados pelo fogo de Odemira

O Governo vai disponibilizar um apoio financeiro aos agricultores que ficaram sem alimentação para os animais devido ao incêndio que atingiu os concelhos de Odemira (distrito de Beja), Aljezur e Monchique (distrito de Faro), foi anunciado.

Governo disponibiliza apoio a agricultores afetados pelo fogo de Odemira
Notícias ao Minuto

14:40 - 11/08/23 por Lusa

Economia Odemira

"Vamos disponibilizar um apoio imediato para fazer face à aquisição de alimentos para animais. É um apoio financeiro que será dado à cabeça", revelou a ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes.

A governante falava aos jornalistas no final de uma reunião com agricultores que foram afetados por este fogo, dado como dominado na quarta-feira, realizada nas instalações da Junta de Freguesia de Odeceixe, em Aljezur, no distrito de Faro.

Considerando que as chamas deixaram um "cenário devastador", Maria do Céu Antunes referiu que "o maior problema" para os agricultores afetados é a falta de alimentos para os animais, pois "os pastos e as forragens arderam" no incêndio.

"Vamos dar um valor por animal", que foi calculado "tendo em atenção o que animal come e acrescentámos, em relação a valores atribuídos anteriormente, o fator inflação", disse, adiantando que, no caso dos bovinos, a ajuda "pode ir aos 38 euros" e, para os ovinos, chegará "aos 25 ou 28 euros".

Segundo a responsável pela tutela da agricultura, o incêndio de Odemira provocou prejuízos a 10 criadores de gado, que têm um efetivo total de 300 vacas e 40 ovelhas.

"Juntámos ainda o setor da apicultura, afetado pela seca e, agora, pelo incêndio, que enfrenta dificuldades para manter as colmeias e os seus enxames", assinalou a ministra, mas, neste caso, não precisou o tipo de ajuda.

Maria do Céu Antunes adiantou que pretendia assinar ainda na sexta-feira o despacho que prevê estes apoios, supondo que o processo "será muito rápido" e que "nos próximos dias essa verba poderá chegar aos agricultores".

Questionada pelos jornalistas se o processo será burocrático, a governante respondeu que "os levantamentos [dos prejuízos] estão feitos" e que aos agricultores será necessário "apenas o preenchimento de um formulário".

"Sentimos por parte dos agricultores que é uma ajuda preciosa e que venha o mais rápido possível", notou, frisando que a tutela vai avaliar "a situação com os agricultores e as autarquias no sentido de fazer o acompanhamento da situação".

A ministra realçou que, no final da época de incêndios, o Governo vai abrir ainda uma medida extraordinária, com verbas do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR), para apoiar os agricultores que perderam infraestruturas com os fogos.

Antes da reunião, Maria do Céu Antunes visitou duas explorações agrícolas afetadas pelos incêndios, uma em São Miguel (Odemira) e a outra em Odeceixe (Aljezur), para falar com os proprietários e conhecer as suas dificuldades.

"Quando chegamos a zonas deste território onde há produção agrícola, água e culturas verdejantes, os incêndios param", pelo que "precisamos de trabalhar esta dimensão e fá-lo-emos numa perspetiva integrada, a seguir", acrescentou.

O incêndio, que teve início no sábado e foi dado como dominado às 10:15 de quarta-feira, mantinha-se na sexta-feira de manhã em fase de rescaldo devido a "alguns pontos quentes", que "ainda oferecem preocupação", segundo fonte da Proteção Civil.

De acordo com a página na Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), pelas 15h00, o fogo mobilizava 721 operacionais, apoiados por 242 veículos e três meios aéreos.

O incêndio rural numa área de mato e pinhal deflagrou na zona de Baiona, na freguesia de São Teotónio, concelho de Odemira, a meio da tarde de sábado e entrou nos concelhos algarvios de Monchique e Aljezur.

A área ardida ascende a cerca de 8.400 hectares, num perímetro de 50 quilómetros.

[Notícia atualizada às 15h42]

Leia Também: Empresários turísticos de Odemira trabalham para retomar reservas

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório