Meteorologia

  • 05 MARçO 2024
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 16º

Lucro do grupo Roca desce quase 77% para 42 milhões de euros em 2022

O grupo Roca, que se dedica à produção e comercialização de produtos para espaços de banho, somou 42 milhões de euros de lucro em 2022, abaixo dos 179 milhões de euros apurados no ano anterior.

Lucro do grupo Roca desce quase 77% para 42 milhões de euros em 2022
Notícias ao Minuto

13:59 - 27/06/23 por Lusa

Economia Empresas

"O grupo obteve um lucro líquido de 42 milhões de euros, mantendo a sua tendência de crescimento, graças à melhoria contínua da eficiência nos seus processos de produção, à implementação de uma solução operacional de negócio flexível e com capacidade de adaptação às diferentes necessidades locais", indicou, em comunicado.

De acordo com o relatório do grupo, em 2021, o resultado líquido tinha sido de 179 milhões de euros e, no ano anterior, de 60 milhões de euros.

Por sua vez, a faturação atingiu 2.092 milhões de euros, um aumento de 1,9% em comparação com 2021.

Este resultado, conforme destacou a Roca, foi conseguido apesar da diminuição da procura, devido, sobretudo, ao aumento do custo da energia, inflação, bem como ao efeito do desinvestimento na Rússia.

Em 2022, o resultado antes de impostos, juros, amortizações e depreciações (EBITDA) foi de 356 milhões de euros, "o que equivale a 17% do volume de negócios", quando em 2021 tinha sido de 401 milhões de euros.

Citado na mesma nota, o presidente executivo do grupo Roca, Albert Magrans, destacou o contributo dos trabalhadores para o crescimento da empresa.

"O património líquido ascendeu a 1.707 milhões de euros, o que reflete a solidez financeira do grupo, que baseia o seu crescimento no autofinanciamento através do reinvestimento de lucros", destacou.

No ano passado, a Roca investiu 135 milhões de euros, acima dos 124 milhões de euros de 2021.

Entre estes investimentos encontra-se a melhoria da capacidade produtiva das fábricas do Brasil e Índia, uma nova fábrica de bases de duche na Polónia, a ampliação do negócio de móveis para espaços de banho em Portugal e Espanha e investimentos em descarbonização.

Na Croácia, a empresa reconverteu a sua fábrica em centro logístico, "transformando-a num 'hub' que presta serviços aos principais mercados do centro da Europa".

Desde 2018, quando iniciou o seu plano de descarbonização, o grupo reduziu em 39% as emissões de dióxido de carbono (CO2) de 'scope' um e dois e, em 2022, instalou mais de 10.000 painéis fotovoltaicos em Portugal, Espanha, China, entre outros.

"Durante o ano de 2023, o grupo Roca continua a consolidar a sua política de aquisições, através da transação da empresa americana Madeli. O grupo anunciou a compra da empresa de móveis e espelhos para espaços de banho, com sede na Florida e 500 pontos de venda nos EUA, o que contribuiu para reforçar a categoria de produto e gerou um efeito estratégico propulsor", lê-se no documento.

Este ano, o grupo também fez um investimento inicial na Aquí Tu Reforma (ATR), uma plataforma digital de remodelação de habitações.

A Roca está presente em Portugal desde 1972, contando com oito centros de produção e cerca de 2.000 colaboradores.

Leia Também: Lucros da Greenvolt caem 74% no 1.º trimestre para 300 mil euros

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório