Meteorologia

  • 02 MARçO 2024
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

Prestação da casa teve subida homóloga de 35,4% (para 352€) em maio

A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação foi 3,398% em maio.

Prestação da casa teve subida homóloga de 35,4% (para 352€) em maio
Notícias ao Minuto

11:05 - 16/06/23 por Notícias ao Minuto

Economia Prestação da casa

A prestação do crédito à habitação teve subida homóloga de 35,4%, para 352 euros, em maio, de acordo com os dados divulgados esta sexta-feira pelo INE. 

"A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação foi 3,398% em maio, o valor mais elevado desde junho de 2009, traduzindo uma subida de 28,8 pontos base (p.b.) face a abril (3,110%)", pode ler-se no relatório do INE. 

Nos contratos celebrados nos últimos três meses, a taxa de juro subiu de 3,675% em abril para 3,882% em maio, atingindo o valor mais elevado desde agosto de 2012.

A prestação média fixou-se em 352 euros em maio, mais 11 euros que em abril e mais 92 euros que em maio de 2022, o que traduz um aumento homólogo de 35,4%.

Nos contratos celebrados nos últimos 3 meses, o valor médio da prestação subiu 1 euro face ao mês anterior, para 591 euros em maio (aumento de 51,2% face ao mesmo mês do ano anterior). O capital médio em dívida aumentou 197 euros, para 63 169 euros. 

Leia Também: Turistas atacadas num dos pontos mais populares da Alemanha. Uma morreu

Recomendados para si

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório